A província espanhola de Granada, na Espanha, decidiu criar um monumento arquitetônico que incentive a reciclagem. Para isso, foi necessário contar com a colaboração de cem colégios locais, que coletaram embalagens do tipo Tetra Pak.

O projeto foi idealizado pelo Departamento de Meio Ambiente do Governo de Granada com a proposta de sensibilizar a população local sobre o cuidado com os resíduos pós-consumo. A campanha trabalhou especificamente as embalagens de leite e outros produtos, que são feitas em um material equivalente ao que é utilizado no Brasil.

O resultado do projeto foi a construção de um pavilhão feito com 45 mil embalagens reaproveitadas. A edificação foi instalada nas proximidades da Torre de Visualização do Parque das Ciências de Granada e entrou para o livro dos recordes como a maior construção com materiais reciclados do mundo.

A estrutura se assemelha a um grande labirinto, com uma torre central. Em termos arquitetônicos, o projeto foi feito com o intuito de ser bastante versátil, podendo mudar de forma em diversos pontos. O site ArchDaily comparou a construção com obras feitas com peças de legos.

O pavilhão levou duas semanas para ser construído e o resultado do trabalho foi uma estrutura de 30 metros de comprimento, por 15 de largura e sete de altura. O local também será utilizado como uma unidade de reciclagem. Com informações do ArchDaily.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.