- Publicidade -

A redação do CicloVivo separou informações sobre os meios de transporte e organizou algumas dicas de como diminuir seu impacto ecológico durante uma viagem ou no transporte diário.

Avião: O avião é o meio de transporte mais poluente que temos. Em uma viagem de ida e volta de São Paulo até Paris, por exemplo, um passageiro da classe econômica é responsável pela emissão de 1.741 kg de gás carbônico na atmosfera. Algumas companhias estão tomando algumas medidas para quem está preocupado com a situação. Um exemplo disso é a Air France, que disponibilizou em seu site uma calculadora de CO2, que indica o quanto de gás carbônico é emitido por passageiro na atmosfera. Além disso, eles disponibilizam a venda de passagens “Eco”, que permitem o passageiro fazer a sua “compensação ambiental” através de uma companhia.

É necessário tanto conforto? Questione isso quando for comprar a sua passagem, pois os passageiros dos aviões de primeira classe – que possuem menos poltronas – proporcionalmente são responsáveis por maiores emissões de carbono. Evite também os vôos com escala (a maior parte da emissão de carbono está no pouso e na decolagem), e leve menos peso, pois aviões com menos cargas emitem menos CO2.

- Publicidade -

Ônibus: Para quem vai fazer viagens mais curtas, ônibus já é uma solução melhor do que o avião e do que o carro. Mas quando for escolher o ônibus, procure por ônibus que emitam menos CO2, que estejam regulados, e que possuam catalisador. Carregar menos peso também é válido para o ônibus poluir menos. No dia a dia, o transporte coletivo é economicamente mais viável e muito menos poluente que os carros. 

Carros: Carros são confortáveis e práticos, mas não é uma das melhores soluções quando o assunto é poluição, pois ele emite cerca de 130g/km de CO2 (perdendo apenas para os aviões). Mas se você ainda preferir o carro, procure dar caronas, evitando assim que saiam muitos carros desnecessariamente. Faça a revisão do seu carro, cheque se está tudo em ordem e dirija cautelosamente, pois esse é os meios de transporte onde mais ocorrem acidentes.

Trem: Para algumas viagens, principalmente na Europa, os trens são uma ótima alternativa em termos de praticidade, economia e ecologia. Lá existem linhas de trem que passam por quase toda a Europa. Só planeje bem antes de fazer a viagem, pois se você comprar os tickets de ultima hora o preço pode sair bem elevado. Para o dia a dia nas grandes cidades, os trens e metrô são alternativas altamente eficientes, tanto por sua rapidez, como pela baixa emissão de poluentes. 

Bicicleta: Em termos de ecologia é o melhor meio de transporte, pois não emite nenhum tipo de poluente, isso sem contar que é saudável. Em muitos países como o Japão, China e Austrália, ela é utilizada em larga escala, e existe todo um planejamento de ciclovias e de trânsito para ciclistas. Em algumas cidades brasileiras estão estudando algumas ações para incentivar o uso de bicicletas, como em São Paulo onde criaram alguns quilômetros de ciclovias.

Transportes Alternativos: Se você tiver um espírito mais aventureiro você pode aproveitar passeios em transportes um pouco diferentes. Você pode aproveitar a bela vista de um balão, ou passear de cavalo, camelo, ou qualquer outra coisa de forma prazerosa e divertida.

- Publicidade -