- Publicidade -
Foto: iStock by Getty Images

Dietas ricas em vegetais têm poder para regular diversos problemas de saúde, como controlar o colesterol e a diabetes tipo 2. No entanto, estudos acadêmicos mostram que este tipo de dieta, rica também em fibras, podem ser até oito vezes mais poderosas no combate ao câncer.

- Publicidade -

Uma pesquisa, publicada pelo Instituto Norte-Americano de Medicina e Saúde, fez um experimento com homens portadores de câncer de próstata, fazendo modificações na alimentação e incluindo atividades físicas na rotina dos pacientes.

A dieta aplicada na experiência era vegetariana e rica em frutas, suplementada com proteína de soja, óleo de peixe, vitamina E, selênio e vitamina C. Além disso, foram incluídos exercícios aeróbios moderados (caminhada de 30 minutos, seis dias da semana), yoga, meditação e relaxamento para controlar o estresse e participação semanal em um grupo de apoio.

Após um ano, os participantes que se submeteram ao tratamento tiveram resultados expressivos no combate ao câncer. Os exames sanguíneos mostraram que a dieta vegetariana deixou o organismo oito vezes mais eficaz em parar as células cancerígenas.

Outro estudo feito com mulheres com câncer de mama trocou a dieta tradicional por uma vegetariana por duas semanas completas, associadas a atividade física diária leve. Após 14 dias, os testes iniciais foram repetidos e o câncer apresentou crescimento mais lento e o sangue estava mais resistente às células doentes.

- Publicidade -

Segundo os pesquisadores, os exercícios físicos ajudam a retardar o desenvolvimento do câncer, mas é a dieta que garante ao corpo o dobro de energia para matar as células cancerosas.

Redação CicloVivo

- Publicidade -