- Publicidade -

Uma tentativa de reduzir o número de pacientes infectados pelo mosquito Aedes aegypti foi implantada na cidade de Uberada, em Minas Gerais. A prefeitura vai distribuir aos moradores uma planta, chamada crotalária, que atrai os predadores do mosquito transmissor.

As mudas foram plantadas durante 90 dias por funcionários do Horto Municipal. Na fase adulta, a espécie pode chegar até três metros de altura. A planta atrai o mosquito e a libélula mata-o. Se estiver próximo a água, as larvas da libélula também vão predar as larvas do Aedes aegypti. 

O biólogo Paulo César Franco explicou, ao G1, que não há estudos científicos que comprovem a redução no número de mosquitos por causa da crotalária, ou seja, o método não é totalmente confiável, é mais uma tentativa de combater a dengue que pode dá certo.

- Publicidade -

O auge da doença foi constatado em março deste ano, quando a Secretaria de Saúde notificou 1.471 casos da doença. No último mês, o registro foi de 81 casos. Ainda assim, a prefeitura está em alerta e já colocou crotalárias nos canteiros da cidade.

A planta é comum no nordeste do país, onde é mais conhecida como xiquexique. Os moradores da Uberaba interessados nas mudas devem retirá-la no Horto Municipal, localizado na Rua João Nascimento, no Bairro Jardim Triângulo, próximo à escola Caic, das 8h às 18h. Com informações do G1.

Redação CicloVivo

- Publicidade -