O governo de São Paulo anunciou mais uma etapa do Programa Nascentes. O projeto, que tem como intuito recuperar a mata ciliar para preservar os recursos hídricos, chega a sua sétima fase, com um plantio realizado na região de Itu.

A ação é financiada pela concessionária CCR Via Oeste, responsável pela manutenção de diversas estradas que ligam a capital paulista ao interior. O projeto faz parte do Termo de Compromisso de Recuperação Ambiental (TCRA), e esta fase é decorrente da compensação ambiental pela duplicação da Rodovia Raposo Tavares.

De acordo com o governo estadual, até o final do mês serão plantadas 17.670 mudas em 10,6 hectares. O plantio será realizado na Fazenda Limoeiro e, durante os próximos 36 meses, serão realizadas atividades de manutenção, para garantir todo o cuidado necessário para que as mudas se desenvolvam adequadamente.

A vegetação no entorno das nascentes e nas margens dos rios, córregos, lagos e represas é essencial para proteger as águas, evitando assoreamentos, protegendo a fauna e flora e ajudando a controlar a poluição.

As metas do programa

Através do Programa Nascentes, cerca de 20 mil hectares de matas ciliares devem ser restaurados em todo o estado de São Paulo. Até o momento já foram mais de 410 mil mudas e 246 hectares.