mulheres reflorestamento
Foto: Pixabay
- Publicidade -

Quando falamos sobre projetos de reflorestamento, a ideia de que o plantio de árvores vai ajudar a combater as mudanças climáticas e resgatar a biodiversidade vem logo à mente. Mas, a One Tree Planted, ONG que trabalha com projetos de reflorestamento em mais de 43 países, mostra que plantar árvores é também um caminho para promover a igualdade de gênero e fortalecer o papel das mulheres nas suas comunidades.

Pesquisas comprovam que educar meninas e empoderar as mulheres são ações fundamentais para as mudanças climáticas. O reflorestamento, quando realizado de forma ponderada, levando em consideração a igualdade de gênero, pode ter um impacto poderoso na restauração de ecossistemas degradados, na absorção de carbono e no empoderamento das mulheres ao mesmo tempo.

A conexão entre florestas saudáveis e mulheres pode não ser óbvia à primeira vista, mas uma analogia entre as árvores e a ação feminina para recuperar áreas naturais é apresentada pela ONG em seu site. Para eles, da mesma forma que as árvores garantem um ambiente para que a vida se desenvolva, as mulheres das comunidades onde existem projetos de reflorestamento estão naturalmente sintonizadas com as necessidades do coletivo, assumindo o papel de grandes líderes, professoras, curandeiras e muito mais. 

- Publicidade -
Plantio de árvores na África
Projeto de reflorestamento plantou cerca de 60 mil árvores em Ruanda e 20 mil no Quênia. Foto: One Tree Planted

Em 17 estudos de todo o mundo, foram identificadas melhorias na governança e conservação dos recursos naturais quando as mulheres participaram.

Segundo a ONG, quando as árvores são cuidadosamente plantadas, elas podem ajudar a melhorar a igualdade de gênero e os direitos das mulheres de maneira óbvia e também sutil. A One Tree Planted relata os 5 caminhos que adotou para promover a igualdade de gênero em seus projetos de reflorestamento.

Como unir reflorestamento e igualdade de gênero?

mulheres reflorestamento
Projeto de reflorestamento inclui árvores frutíferas, na Índia. Foto: One Tree Planted

1. Garantir que as mulheres sejam ouvidas

Para que qualquer projeto de reflorestamento tenha sucesso a longo prazo, a adesão da comunidade é fundamental. Para garantir isso, nossos parceiros de plantio trabalham com as comunidades locais para fornecer educação e recursos que os capacitam a participar do plantio — e melhorar suas vidas. 

Estatisticamente, os homens tendem a se interessar mais por espécies arbóreas que fornecem renda, enquanto as mulheres estão mais interessadas em espécies alimentícias e medicinais. 

As melhores plantações são muitas vezes um equilíbrio dos dois. 

Desde o início, então, o reflorestamento pode promover a igualdade de gênero ouvindo as necessidades das mulheres e aproveitando seu conhecimento local. 

Ao participar do processo, elas podem ajudar a informar as melhores espécies de árvores para plantar, áreas para plantar e muito mais – tudo com o objetivo de sustentar suas famílias. 

2. Reduzir a insegurança alimentar

mulheres reflorestamento
Foto: Pixabay

Apesar das mulheres rurais representam quase metade da força de trabalho agrícola nos países em desenvolvimento, as desigualdades de gênero na agricultura são muito prevalentes. 

As normas patriarcais significam que as mulheres agricultoras estão particularmente em risco de fome, especialmente quando as mudanças climáticas alimentam as secas e as inundações secam as plantações ou danificam a infraestrutura. 

Quando as mulheres são capacitadas com culturas florestais sustentáveis, elas têm acesso a dietas de melhor qualidade, mais recursos e oportunidades por meio de novos fluxos de renda e maior agência. 

Particularmente no caso de projetos agroflorestais sustentáveis, plantar árvores alimentícias beneficia diretamente as mulheres agricultoras que participam. Quando as árvores começam a produzir frutos, elas podem ajudar suas famílias e comunidades a suprir consistentemente suas necessidades calóricas com alimentos nutritivos.

3. Criar oportunidades educacionais para mulheres e meninas

plantar
Foto: Pixabay

O reflorestamento pode levar direta e indiretamente à educação de mulheres e meninas. Diretamente, nossos parceiros de plantio muitas vezes oferecem treinamento e educação ambiental aos membros da comunidade participantes em tópicos que vão desde o cuidado adequado das árvores e manutenção de longo prazo até as melhores práticas e negócios agroflorestais sustentáveis ​​101.

Muitos de nossos projetos também fazem questão de envolver os jovens locais em reflorestamento para que possam aprender mais sobre como cuidar da natureza e do meio ambiente – e aprender novas habilidades que podem inspirá-los a escolher uma carreira de conservação. 

De uma forma menos óbvia, mas não menos poderosa, o aumento da renda familiar e a melhoria da segurança alimentar podem ajudar as meninas (geralmente as primeiras a serem retiradas da escola quando os recursos são escassos) a permanecer na escola, mudando a trajetória de suas vidas.

4. Reduzir a migração para fora das áreas rurais

mulheres reflorestamento
Foto: Pixabay

Como mencionado anteriormente, nas comunidades rurais de todo o mundo, estatisticamente, as mulheres fazem a maior parte do trabalho doméstico e agrícola. A migração rural para áreas urbanas, na maioria das vezes realizada por homens, serve apenas para ampliar essa disparidade de gênero no trabalho. 

Quando os homens saem, as mulheres também assumem suas responsabilidades. O reflorestamento, particularmente o agroflorestamento sustentável, tem demonstrado reduzir a necessidade de moradores rurais deixarem suas casas em busca de oportunidades nas áreas urbanas. 

Isso melhora a vida das mulheres diretamente, reduzindo a carga de trabalho que elas assumiriam com a partida dos homens.

5. Combater mudanças climáticas

reflorestamento
Foto: Pixabay

As mulheres representam cerca de 70% dos pobres do mundo, e isso infelizmente as coloca na linha de frente das mudanças climáticas. 

Graças à capacidade das árvores de absorver carbono e poluentes, melhorar a resiliência do ecossistema, proteger as comunidades costeiras de tempestades, reduzir as temperaturas e muito mais, o reflorestamento foi considerado a solução número 1 para as mudanças climáticas. 

Plantar árvores, então, beneficia diretamente as mulheres, que representam uma porcentagem desproporcional da população mais vulnerável do mundo. À medida que as árvores crescem, elas ajudam a proteger contra desastres naturais como enchentes, furacões e secas – fenômenos amplificados pelas mudanças climáticas.

Quer contribuir com os projetos de reflorestamento da One Tree Planted?
Clique AQUI!

mulheres reflorestamento
Foto: One Tree Planted

LEIA MAIS:

- Publicidade -