- Publicidade -

A Volkswagen aproveitou o Salão do Automóvel de Genebra, na Suíça, para apresentar o novo modelo elétrico de um dos carros mais tradicionais da marca: a Kombi. O automóvel surge com design inovador e muita tecnologia.

O veículo, que ficou famoso no Brasil na década de 50, já foi um dos mais vendidos da história da montadora alemã, juntamente com o Fusca. No entanto, há décadas ele está fora dos mercados europeus e americanos.

A volta da Kombi veio em grande estilo e é uma das apostas para modelos elétricos voltados para famílias. O carro pode carregar confortavelmente até seis pessoas e o porta-malas tem capacidade para 370 litros, ou com uma adaptação feita nos bancos esse espaço pode chegar a até 1.600 litros.

- Publicidade -

O seu grande diferencial não está no tamanho ou no design, mas sim na tecnologia aplicada nos motores, que deixaram de lado os combustíveis fósseis para rodarem somente com energia elétrica.

O motor instalado na parte dianteira do carro possui 115 cavalos de potência, que o permitem ir de zero a cem quilômetros por hora em apenas 11,5 segundos. A velocidade máxima que a Kombi atinge é de 140 km/h e o modelo consegue rodar até 300 quilômetros com uma mesma recarga.

A revolução é percebida no design, que traz um ar contemporâneo a algumas linhas e detalhes que foram marca registrada do antigo Bulli, como é conhecido na Alemanha. A tecnologia se faz presente, principalmente na novidade instalada no painel do carro: um iPad, que funciona como rádio, GPS e disponibiliza, até mesmo, acesso à internet. Por ser um conceito o modelo ainda não tem previsão para chegar às lojas. Com informações do Correio Braziliense.

Redação CicloVivo

Siga as últimas notícias do CicloVivo no Twitter

- Publicidade -