No verão, o uso de ventilador e ar-condicionado para aliviar o calor é inevitável. O problema é que tais produtos consomem muita energia. Para amenizar essa questão, foi desenvolvido um ventilador com tecnologia verde, que chega ao mercado brasileiro como uma opção sustentável.

O produto foi apresentado na XVI FIMAI (Feira do Meio Ambiente Industrial e Sustentabilidade), que ocorreu em São Paulo. O modelo possui madeira reciclada, grade metálica e design inspirado no movimento art déco. Ele é silencioso e funciona com pilhas, baterias e painéis fotovoltaicos.

Desenvolvido pela arquiteta Luiza Burkinski, o dispositivo pode economizar até 70% de energia em relação aos ventiladores tradicionais. A tecnologia que permite essa economia foi criada por dois engenheiros brasileiros.

Um dos idealizadores do motor econômico, Roberto Frascari, afirma que a fonte de energia utilizada é muito mais limpa, eficiente e menos poluente. “O funcionamento do motor é simples. Ele utiliza energia pulsada, diferentemente dos convencionais que funcionam com corrente contínua ou alternada. Isso permite que o motor trabalhe frio e em equilíbrio com a natureza”.

O ventilador é produzido artesanalmente pela Keppe Motors. Segundo a empresa, esse é o primeiro modelo ecológico lançado no Brasil. Ao comprá-lo, o cliente tem um duplo benefício: além da questão ambiental, a venda do produto ajuda a promover a inclusão social dos artesões da cidade de Cambuquira, em Minas Gerais. Com informações do Ecycle.

O vídeo abaixo mostra os benefícios da tecnologia ecológica do ventilador:

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.