- Publicidade -

O médico francês Laurent Helewa desenvolveu um banheiro portátil biodegradável. A invenção pesa apenas dois quilos e pode ser uma alternativa sustentável para locais afetados por grandes desastres naturais, como o furacão Katrina e o recente terremoto no Japão.

A novidade deve ser apresentada ao mundo durante o 39º Salão Internacional das Invenções de Genebra, juntamente com outras mil “engenhocas”. Para o médico, os banheiros ainda são alvo de preconceitos por inventores. No entanto, são itens essenciais.

O argumento sobre a importância desse invento é justificado pelo fato de que em locais que não possuem saneamento básico ou foram afetados por grandes tragédias que destruíram o sistema local, muitas pessoas não têm acesso a banheiros e acabam fazendo as suas necessidades em qualquer lugar. Em consequência disso são geradas doenças e epidemias que podem se espalhar e dizimar populações.

- Publicidade -

A ideia de Helewa é bem simples e prática. O banheiro consiste em uma pequena cabine biodegradável, com aproximadamente dois quilos, que se transforma em um assento. No fundo da estrutura existe um sistema simples que absorve e congela os líquidos, minimizando os riscos de contaminações.

Segundo o inventor, a criação, que também tem uma versão maior, que suporta até 200 quilos, não se limita aos locais afetados por desastres, mas também pode ser uma opção eficiente para os aventureiros, que enfrentam grandes expedições, e também para os moradores de regiões pouco favorecidas e carentes de estruturas de saneamento básico ao redor do mundo. Com informações do Portal Terra.

Redação CicloVivo

- Publicidade -