Nas últimas décadas, o meio ambiente tem sofrido um prejuízo gigantesco com o aumento do descarte incorreto de resíduos, principalmente os eletrônicos. Isso tudo faz parte do processo das constantes mudanças sociais e revoluções tecnológicas, que agora fazem parte do nosso cotidiano.

Boa parte da população sabe que os resíduos eletrônicos não devem ser descartados no lixo comum. Por isso, o Sesc de Minas Gerais lançou uma campanha em que recebe esses resíduos e se responsabiliza pelo seu descarte correto. Até a próxima quarta-feira (5), as unidades do Sesc receberão baterias, celulares, monitores, impressoras, entre outros resíduos, que podem estar em qualquer estado de conservação.

Os materiais arrecadados serão tratados, reciclados e, se necessário, descartados, conforme a atual legislação ambiental. Segundo o Eniac, projeto parceiro do Sesc, reciclagem dos eletrônicos diminui a necessidade de extração de materiais da natureza, evitando a contaminação do meio ambiente.

A cada item doado, o participante da ação ganha um voucher no valor de R$ 50,00, para ser usado nas compras de passagens aéreas da companhia Azul Linhas Aéreas.

A ação é uma parceria com a ONG Instituto Brasileiro de Turismólogos (IBT), entidade que congrega egressos do curso superior de bacharelado em turismo, promovendo projetos de sustentabilidade.

O que destinar na troca por voucher: celulares, aparelhos de fax, notebooks, computadores, estabilizadores, monitores (tubo, led e cristal líquido) gabinetes (CPUs), impressoras e scanners.

O que destinar sem troca de voucher: teclados, cabos, disquetes, mouses e demais acessórios.

A troca acontece diariamente das 8h às 18h, até a próxima quarta-feira (5).

Veja abaixo os locais onde é possível efetuar a troca:

– Sesc Centro Cultural JK (Rua Caetés, 603 – Centro)

– Sesc Desportivo (Rua Teófilo Otoni, 433, Carlos Prates – Belo Horizonte).

– Sesc Floresta (Rua Pouso Alegre, 1.647, Floresta – Belo Horizonte).

– Sesc Santa Quitéria (Rua Santa Quitéria, 566, Carlos Prates – Belo Horizonte).

– Sesc Venda Nova (Rua Maria Borboleta, s/nº, Letícia/Venda Nova – Belo Horizonte).

– Sesc Almenara (Rodovia BR 367, Km 92, Cidade Nova – Almenara).

– Sesc Governador Valadares (Av. Veneza, 877, Grã-Duquesa – Governador Valadares).

– Sesc Bom Despacho (Av. Maria da Conceição del Duca, 150, Vilaça – Bom Despacho).

– Sesc Contagem-Betim (Rua Padre José Maria Demam, 805, Novo Riacho – Contagem).

– Sesc Januária (Av. Aeroporto, 250, Aeroporto – Januária).

– Sesc Paracatu (Rua Euridamas Avelino Barros, 347, Lavrado – Paracatu).

– Sesc Santa Luzia (Av. Brasília, 3505, São Benedito – Santa Luzia).

– Sesc Araxá (Rua Dr. Edmar Cunha, 150, Santa Terezinha – Araxá).

– Sesc Juiz de Fora (Av. Barão do Rio Branco, 3.090, Centro – Juiz de Fora).

– Sesc Pousada Juiz de Fora (Rua do Contorno, s/nº, Nova Califórnia – Juiz de Fora).

– Sesc Montes Claros (Rua Viúva Francisco Ribeiro, 200, Centro – Montes Claros).

– Sesc Poços de Caldas (Rua Paraná, 229, Centro – Poços de Caldas).

– Sesc Sete Lagoas (Rua Francisco Vicente, 23, Papavento – Sete Lagoas).

– Sesc Teófilo Otoni (Av. Bernarda Barbosa Laender, 146, Centro – Teófilo Otoni).

– Sesc Uberaba (Rua Ricardo Misson, 411, Centro – Uberaba).

– Sesc Uberlândia (Rua Benjamim Constant, 844, Aparecida – Uberlândia).

– Sesc Saúde São Francisco (Rua Viana do Castelo, 490, São Francisco – Belo Horizonte).

As unidades Sesc Palladium e Sesc Mineiro Grussai Centro de Turismo não participam da campanha.

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.