- Publicidade -

A cidade de Sorocaba (SP) lançou na última segunda-feira (4) o projeto “Um Veículo, uma Árvore”. A proposta é fruto da lei nº 8.568/08, que determina que as concessionárias plantem uma árvore a cada carro zero comercializado no município.

"Essa é uma ação acima de tudo cidadã e será muito significativo pela participação dessas concessionárias. A ideia é que elas levem essa mensagem para seus estabelecimentos para que o cidadão saiba que para aquele veículo que ele está comprando uma árvore será plantada em Sorocaba. Esse dia é memorável, é mais um engajamento da nossa sociedade que vai contribuir para a arborização do nosso município", destacou a secretária do Meio Ambiente (Sema), Jussara de Lima Carvalho, durante o lançamento do projeto "Um Veículo, uma Árvore",

- Publicidade -

De acordo com a legislação, as concessionárias de veículos automotores são obrigadas a plantar árvores para cada veículo zero-quilômetro vendido na cidade. Com o objetivo de divulgar a lei, o projeto "Um Veículo, Uma Árvore" contribuirá com o plantio de mudas no município e, consequentemente, com o sequestro do dióxido de carbono, emitido em grande parte pelos veículos.

Conforme a Sema, em janeiro de 2014, as concessionárias entregarão à Secretaria do Meio Ambiente um relatório contabilizando o número de veículos vendidos de 1º de junho a 31 de dezembro deste ano. Já em março, será feito o plantio de árvores no Parque dos Ipês em número correspondente. A previsão é que sejam plantadas 12 mil exemplares arbóreos relativos ao segundo semestre.

De acordo com Vidal Dias da Mota Júnior, diretor de Gestão Ambiental da Sema, a escolha inicial para o plantio no Parque dos Ipês se deu para ajudar na recuperação da área. Em dezembro de 2010, a Prefeitura de Sorocaba realizou a 1ª edição do Megaplantio no local, transformando uma área degradada em um dos maiores complexos ambientais da cidade. "Na época foram retirados 200 caminhões de entulho desta área. Com toda essa transformação estamos agregando valor a essa região", comentou.

As concessionárias serão responsáveis pela compra e o plantio das mudas, enquanto a Sema definirá a espécie e o tamanho das plantas, como também cuidará da manutenção da área.

- Publicidade -