Das roupas usadas de brechós e de tecidos ecológicos à base de garrafa pet reciclada saem a matéria-prima para a fabricação de sapatos da marca Insecta Shoes. Fundada em 2014 em Porto Alegre (RS), a loja abre o primeiro espaço físico na capital paulista no próximo dia 18.

Durante a inauguração, a marca dividirá o local com a Zerezes, que é especializada em reaproveitar madeira para fabricar óculos de luxo. A loja estará localizada no bairro de Pinheiros e deve movimentar R$ 40 mil com a venda de calçados, o equivalente a 150 pares por mês.

“Decidimos implantar uma nova unidade em São Paulo, pois o estado conta com o maior número de consumidores que compram nossos produtos via e-commerce. Vale apenas lembrar que todos os calçados são unissex, voltados para o público feminino, masculino, infantil e até mesmo para terceira idade. Além disso, são feitos a mão em ateliês localizados em Novo Hamburgo (RS), produzidos em quantidade limitada, com estampas exclusivas e possuem forma e numeração padrão”, explica a sócia fundadora, Barbara Mattivy.

Para dar mais conforto, cada sapato é fabricado com palmilha em formato de colmeia revestida em tecido sintético. O calcanhar também recebe mais espuma e a sola é de borracha reciclada, o que permite até dobrar o sapato ao meio. Outro diferencial é apostar no conceito Fair Trade, que proporciona um trabalho fixo às artesãs locais, com remuneração justa, estimulando assim a economia local.

Em 2015, foram reaproveitados 480kg de roupas vintages, o equivalente a 1.600 peças, e mil garrafas pet que geram tecido reciclado tingidos com uma tinta à base de água, que não polui o meio ambiente, para a produção e venda de quatro mil sapatos. O ticket médio da Insecta Shoes é de R$ 269.

Os paulistanos interessados em adquirir os calçados veganos podem efetuar compras na loja física, ou por meio do canal de e-commerce, que atende todo território nacional. Para mais informações, acesse aqui.