James Cameron é um dos diretores de cinema mais importantes da atualidade, mas a sua fama vai muito além de Holywood. O canadense é conhecido internacionalmente por sua luta em prol das causas ambientais. Seu envolvimento com o tema é tanto que ele e a esposa são os responsáveis pela criação da primeira escola vegana dos Estados Unidos.

A ideia surgiu a partir de uma necessidade identificada na educação dos próprios filhos. Mesmo tendo matriculado suas crianças em uma escola “ambiental”, James Cameron e Suzy Amis Cameron perceberam que a alimentação na instituição continuava cheia de itens industrializados e pouco saudáveis.

No site da MUSE, nome dado à escola, Suzy explica como este projeto começou. Em 2005, enquanto o marido dirigia um dos filmes de maior sucesso dos últimos dez anos, Avatar, ela e a irmã discutiam formas de criar uma escola com uma filosofia voltada para o desenvolvimento humano, social, cultural e ambiental das crianças.


Foto: Reprodução/Facebook

Um ano depois de começarem a idealizar, a instituição foi aberta. Inicialmente eram apenas 11 alunos. Hoje, a unidade instalada na Califórnia já conta com 140 alunos. Pelo menos por enquanto, a escola é destinada apenas a crianças do ensino fundamental.


Foto: Reprodução/Facebook

Com uma grande área usada para o plantio, a maior parte dos alimentos consumidos dentro da MUSE é produzida pelos alunos, com um cultivo orgânico. Os excedentes ainda são vendidos pelas próprias crianças a comunidade local. Durante todo este processo os professores aproveitam para ensinar outros valores, como o cuidado com o meio ambiente e noções de economia e negócios. A sustentabilidade também é um tema muito trabalhado com os alunos, para isso foram usadas técnicas de reciclagem na construção, que recebeu o selo ambiental LEED, placas solares para o fornecimento de energia, entre outras coisas.  


Foto: Reprodução/Facebook


Foto: Reprodução/Facebook

No site, os fundadores explicam que a filosofia usada na instituição é de transformar a escola em um lugar acolhedor, onde as crianças têm a oportunidade de explorar, refletir, ter experiências interculturais, praticar a liderança e se prepararem para os desafios da vida.


Foto: Reprodução/Facebook


Foto: Reprodução/Facebook

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.