reciclagem eletroeletrônicos green eletron
Eletroeletrônicos coletados pela Green Eletron são encaminhados para reciclagem. Foto: Divulgação
- Publicidade -

A Green Eletron, gestora sem fins econômicos de logística reversa de eletroeletrônicos e pilhas, divulgou o seu balanço anual: até dezembro de 2020, foram coletadas 12,8 toneladas de aparelhos eletroeletrônicos, pilhas e acessórios recolhidos apenas em eventos organizados durante o ano. Soma-se a este montante os resíduos descartados regularmente em mais de 414 Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) fixos, instalados em diversas cidades do país.

Segundo Ademir Brescansin, gerente executivo da Green Eletron, 2020 foi um ano crucial para a gestão desse tipo de resíduo no Brasil. “Participamos, no final de 2019, da assinatura de um documento federal que estabelece metas de coleta e reciclagem de eletroeletrônicos e que entra em vigência no primeiro dia de 2021”, ele explica, se referindo ao Acordo Setorial para a Logística Reversa de Eletroeletrônicos e seus Acessórios, assinado pelo Ministério do Ambiente, em outubro do ano passado.

Ademir explica ainda que a participação da população é imprescindível para o atingimento das metas, uma vez que os produtos estão na casa dos consumidores. “2020 foi o momento de mobilizar empresas e pessoas, os preparando para o novo cenário ambiental que o Acordo determina. Nossa intenção com essas campanhas era exatamente essa”.

- Publicidade -

Clique AQUI para saber onde descartar seus eletroeletrônicos sem uso.

Clique AQUI para saber onde descartar suas pilhas.

Campanhas e ações ao longo do ano

Durante o ano, mesmo com a pandemia da Covid-19, foram organizadas sete grandes ações, todas pensadas para impactar o maior número possível de pessoas da forma mais segura possível.

Dentre tantas campanhas, a de maior sucesso aconteceu no último mês do ano. Organizada em parceria com a Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), o “Drive-thru dos resíduos eletrônicos” foi instalado em frente ao Paço Municipal da cidade e recolheu mais de 8 toneladas de equipamentos sem uso e pilhas sem carga.

A população participou de forma massiva do evento, que ocorreu nos dias 4 e 5 de dezembro, e recebeu os resíduos de pessoas que passavam de carro pela tenda da ação, evitando assim aglomerações.

Outro destaque de 2020 foi a instalação de coletores no Metrô de São Paulo, com apoio da Virada Sustentável. A campanha fez parte do calendário de comemoração ao Dia Internacional do Lixo Eletrônicos – 14 de outubro – e recolheu cerca de 1,6 tonelada de resíduos.

Ações do Dia Mundial da Limpeza, com a instalação de coletor temporário na estação Brás da CPTM (147 kg) e na comunidade Sônia Ribeiro (30 kg), em São Paulo, campanhas em faculdades (1,5 ton), condomínios (206 kg) e com os colaboradores de empresas associadas à Green Eletron (1,1 ton) também fizeram parte do calendário.

Clique AQUI para saber o que pode ser descartado nos coletores da Green Electron.

- Publicidade -