garrafas retornáveis cerveja
Foto: Pixabay
- Publicidade -

Quem é um pouco mais velho deve ter na memória a experiência de levar garrafas vazias e engradados quando ia comprar bebidas. As garrafas retornáveis garantiam desconto na compra de novos produtos e eram encaminhadas para o reaproveitamento. Este “bom velho hábito” foi abandonado por alguns anos, mas está começando a voltar – é urgente reduzir o impacto ambiental da geração de resíduos e da fabricação de embalagens novas.

Neste cenário, a Ambev anunciou que quer ajudar a acelerar a cultura do uso do retornável e mostrar os ganhos ambientais e financeiros atrelados a esse hábito. Segundo a empresa, grande parte dos vasilhames já voltam a circular no mercado e a expectativa é que, até 2025, 100% dos produtos da companhia estejam em embalagens retornáveis ou que sejam feitas majoritariamente de material reciclado.

reciclagem garrafa de vidro
Foto: Divulgação | Ambev

No caso dos retornáveis, isso significa que a garrafa será reinserida – de forma segura – nos ciclos de produção das cervejas. Para o consumidor, esta alternativa traz economia: após a primeira compra do vasilhame, passa a pagar apenas pelo líquido.

- Publicidade -

“É economia e impacto positivo para todos, mas, sobretudo, para o meio ambiente, já que estamos oferecendo uma opção inteligente de consumo para o cliente poder tomar a sua cerveja preferida, porém em uma embalagem mais sustentável e com menor preço”, afirma Rodrigo Figueiredo, vice-presidente de Sustentabilidade e Suprimentos da Ambev.

garrafas retornáveis cerveja
Foto: Divulgação | Ambev

Além da versão long neck de Brahma Duplo Malte nesse formato, marcas como Skol, Brahma e Antarctica também já são conhecidas pelo portfólio de embalagens retornáveis. Recentemente a Corona anunciou que vai passar a oferecer garrafas retornáveis para a versão long neck.

Economia e comodidade

O incentivo ao uso de garrafas retornáveis já existe há alguns anos na companhia. A novidade é que agora é que a cervejaria oferece mais comodidade para que os consumidores possam escolher quando, onde e como querem trocar seus cascos.

Em parceria com os pontos de venda, a Ambev promove o consumo do retornável tanto nos próprios estabelecimentos, quanto como opção de compra para levar para casa, oferecendo o produto a um preço mais atrativo nesse segundo formato. A companhia está ainda disponibilizando um estoque de vasilhames.

garrafas retornáveis cerveja
Foto: Divulgação | Ambev

No caso das garrafas de 300ml, por exemplo, o valor sugerido é de apenas R$ 1 por unidade. A Ambev também disponibiliza a possibilidade de troca por meio do seu aplicativo Zé Delivery.

“Estamos impulsionando o retornável como uma fonte de renda incremental para os nossos pontos de venda com o modelo ‘pra levar’, em que o consumidor compra a garrafa de 300ml para consumir em casa e por um preço mais competitivo”, explica Daniel Cocenzo, Vice-Presidente de Vendas da Ambev.

Campanha informativa

Evaristo Costa é o protagonista da campanha Garrafas Retornáveis Ambev. Com veiculação nacional, a ideia é falar de forma descomplicada sobre a economia que essa forma de consumo oferece para o consumidor, sendo uma opção inteligente para o bolso e para o meio ambiente.

O jornalista convida os consumidores a investirem nas garrafas retornáveis, além de mostrar como todos só têm a ganhar, do consumidor ao proprietário do ponto de venda.

“Promover a cultura do retornável, além de diminuir o impacto ambiental, com menos resíduos, também oferece economia para os consumidores e benefícios para os nossos pontos de venda. Por isso, queremos incentivar essa forma de consumo”, explica Fernando Mazzarolo, diretor de trade marketing.

garrafas retornáveis cerveja
Foto: Divulgação | Ambev

LEIA MAIS:

- Publicidade -