A castração é um cuidado que permite melhores condições de vida aos animais, evitando diversas doenças e também a procriação descontrolada. A população de cães e gatos cresce descontroladamente a cada dia, contudo, poucos que nascem conseguem ter um dono e uma vida descente.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, estima-se que, só no Brasil, existam mais de 30 milhões de animais abandonados, sendo dez milhões de gatos e 20 milhões de cães. Em cidades de grande porte, para cada cinco habitantes há um cachorro. Destes, 10% estão abandonados. Trata-se de uma situação preocupante, na qual a castração pode ajudar muito.

A Prefeitura de São Paulo, através do Programa Permanente de Controle Reprodutivo de Cães e Gatos, oferece serviços gratuitos de castração, com aplicação de microchip e vacina contra raiva. Veja abaixo os detalhes e onde encontrar o serviço:

Clínicas Veterinárias:

O atendimento pelas clínicas veterinárias contratadas é realizado mediante cadastro prévio dos interessados, que devem obter o Termo de Encaminhamento e escolher a clínica mais próxima à sua residência, para a realização das cirurgias de esterilização. De posse desse termo, o interessado pode fazer o agendamento por telefone.

Para isso, é necessário comparecer ao Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) ou nas unidades de Supervisões de Vigilância em Saúde (SUVIS) abaixo relacionadas, com os seguintes documentos: CPF, RG, comprovante de residência atualizado em seu nome e comprovante de vacinação contra raiva do animal, quando houver.

ONGs Contratadas

Destinado à população residente no município de São Paulo, em especial nas localidades mais carentes e distantes da cidade, inclusive na zona rural, o programa abrange regiões classificadas como prioritárias, de acordo com critérios epidemiológicos, demográficos e sociais. O atendimento nessas regiões é organizado pelas SUVIS e é executado pelas ONGs por meio da realização de mutirões, promovidos em parcerias com CEUs, unidades escolares, associações de bairro, paróquias, etc, que concedem o espaço para a realização dos procedimentos cirúrgicos de esterilização. A divulgação desses mutirões é realizada pelas ONGs junto à população local para cadastramento dos animais.

Supervisão nos serviços

Após a cirurgia, os animais recebem o microchip e a vacina contra raiva, se necessário, além da emissão do RGA, assim como orientações gerais de pós-operatório fornecidas aos proprietários. Todas as instalações das ONGs e clínicas veterinárias são supervisionadas pelo CCZ/SUVIS com relação à técnica cirúrgica empregada e protocolos indicados pelo órgão.

Postos de Cadastramento

Centro de Controle de Zoonoses (CCZ)

Santa Eulália nº 86 – Santana (Próximo Metrô Carandiru)

Atendimento: Segunda a sábado, exceto feriados, das 8h às 18h – Tel.:3397-8900

SUVIS Butantã

Rua Caxingui, 656/658

Segunda a sexta, das 9h às 15h

SUVIS Cidade Ademar/Sto Amaro

Rua Maria Cuofono Salzano, 185

Segunda a sexta, das 9h às 15h

SUVIS Cidade Tiradentes

Estrada do Iguatemi, 2751

Segunda a sexta, das 9h às 15h

SUVIS Ermelino Matarazzo

Av. São Miguel, 5977

Segunda a sexta, das 9h às 15h

SUVIS Freguesia do Ó

Rua Chico de Paula, 238

Segunda a sexta, das 8h às 15h

SUVIS Guaianases

Rua Francisco Pinheiro, 179

Segunda a sexta, das 8h às 15h

SUVIS Mooca/Aricanduva

Rua dos Trilhos, 869

Segunda a sexta, das 9h às 15h

SUVIS Parelheiros

Rua Cristina Schunck Klein, 23

Segunda a sexta, das 10h às 15h

SUVIS São Mateus

Av. Ragueb Chofhi, 1400

Segunda a sexta, das 9h às 15h

SUVIS São Miguel

Rua José Pereira Cardoso, 193

Segunda a sexta, das 9h às 15h