Festival de bicicleta e arte urbana vai premiar com Bike Trek

Ainda dá tempo de assistir as oficinas no Youtube e concorrer ao prêmio do Instituto Aromeiazero.

aromeiazero
Foto: Instituto Aromeiazero

O Bike Arte Gira 2020 – A Festa da Rua na Sua Casa está oferecendo aos internautas, de forma gratuita, dois festivais e 24 oficinas temáticas para incentivar a cultura da bicicleta e a ocupação das ruas, de forma sustentável.

O evento on-line teve início no dia 22 de agosto, com o Festival de Abertura. A festa contou com 8h de música, um bate papo entre Hudson Xavier (Portal Wheeling) e Renata Falzoni sobre dicas de manobras wheeling, dance performática e sorteio de impotência com bike como temática. Além disso, também houve a participação dos Artistas do Imargem, que falaram sobre o processo de criação e produção do grafite pintado na região do Glicério.

Durante estas duas semanas de projeto, diversas oficinas gratuitas foram promovidas via redes sociais do Instituto Aromeiazero e do próprio projeto Bike Arte, como dança urbana, samba, mecânica do cicloturismo, culinária cultural.

Quem perdeu ao vivo, ainda pode assistir ao evento. As transmissões podem ser acessadas pelo canal do Aromeiazero no Youtube, pela página Bike Arte no Facebook, e neste site.

Também pode concorrer à uma Bike Trek novinha. Para participar da competição, basta assistir a uma aula e postar um vídeo compartilhando o que aprendeu, usando a hashtag #bikearteemcasa.

O ganhador será anunciado neste domingo (20) durante o Festival de Encerramento que, inclusive, está com uma programação incrível.

Confira o Festival de Encerramento:

11h – Comandando o evento: MC Dani Nega
11h20 – (Re) descobrindo Áfricas: fazer brincar ao paladar (Dudu Badé)
12h – Guigui – Espetáculo de Dança com BMX (João Rafael Neto)
12h30 – Bate Papo entre Natália Lackeski (Instituto Aro) e Amanda Dias (participante do MasterChef Brasil) sobre culinária afro brasileira e os rumos de sua carreira na gastronomia
13h40 – Instantes – Show Musical (Aloysio Letra)
14h50 – Intervenções urbanas em tempos de Pandemia com Sampapé (Entrevista)
15h30 – Guigui – Espetáculo de Dança com BMX (João Rafael Neto)
15h55 – Sarau (Luíza Romão, Luz Ribeiro e Mariana Felix)
16h30- Coeso – Espetáculo Musical (Msário)
17h40 – Forro di Muié – Espetáculo Musical ( Gostoso é Relembrar)
18h40 às 19h – Sorteio de uma Bicicleta Trek novinha

festival online
Imagem captada antes da pandemia. | Foto: Instituto Aromeiazero

“A missão do Bike Arte Gira 2020 na versão online, é a mesma: incentivar e conscientizar as pessoas a ocupar os espaços urbanos com arte e cultura. Além de engajar comunidades à pensar nas ruas como lugares mais humanos, sem a prioridade dos carros”, diz Murilo Casagrande, diretor do Aromeiazero. “O festival também contribui para amenizar a crise financeira que o setor cultural enfrenta, principalmente aquele baseado nas periferias”, conclui.

Quem produz o Bike Arte Gira

A produção do Bike Arte Gira é realizada pelo Instituto Aromeiazero, organização sem fins lucrativos que promove a bicicleta como instrumento de transformação social, cultural e pessoal, estimulando a diversidade e a colaboração entre as pessoas.

A missão é promover uma visão integral da bicicleta, não só como transporte, mas também como expressão artística, oportunidade de renda, lazer, esporte, como ferramenta de mudança no modo de vida para humanizar as relações nos centros urbanos.