Em meio à cidade, ela aparece exuberante e encanta moradores e turistas que visitam a cidade do Rio. A floresta do Parque Nacional da Tijuca, considerada a “maior floresta replantada do mundo” ganhará mais 260 mudas de espécies nativas da Mata Atlântica. A ação promovida pelos voluntários do Instituto Conhecer para Conservar, do Grupo Cataratas, e de Paineiras Corcovado, acontece no domingo, 28 de abril, a partir das 9h. O ponto de encontro será no Parque Lage.

No mutirão serão plantadas mudas das espécies Embiruçu (Pseudobombax grandiflorum), Ipê Verde (Cysbitax antisyphilitica), Mamão do Mato (Jacaratia spinosa), Paineira Rosa (Ceiba speciosa) e Pau Ferro (Libidibia ferrea).  Desde que assumiu a concessão de Paineiras Corcovado, o Grupo Cataratas realizou o plantio de mais de duas mil mudas em ações de reflorestamento do Parque Nacional da Tijuca.

“Uma das principais características das ações de plantio é o enriquecimento da biodiversidade do local com valorização das espécies nativas. Esse aspecto favorece o equilíbrio biológico do local e reflete diretamente na fauna e flora do entorno”, diz Fernando Souza, diretor Institucional e de Sustentabilidade do Grupo Cataratas.

Voluntários são bem-vindos

A ação de plantio de mudas no Parque Nacional da Tijuca. Para participar, é possível se inscrever pelo link: https://bitly.com/PlantioICC

“Nossa ideia com a ação é trazer o público para perto da Natureza, sensibilizando as pessoas para a necessidade de conservar nossas riquezas naturais. Quando eu conheço e se envolvo, me torno apto a cuidar”, destaca Sousa.

Serviço:

Ação de plantio no Parque Nacional da Tijuca

Quando: 28 de abril de 2019

Horário: A partir das 9h

Ponto de Encontro: Parque Lage

Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.