Praia do Preá recebe Fórum de Sustentabilidade e Turismo

Comunidade local, associações, ONGs, empresários e poder público vão criar juntos soluções para o desenvolvimento sustentável da região

jericoacoara pedra furada
Pedra Furada, em Jericoacoara. Foto: Anderps, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Em Junho, a Praia do Preá irá receber o II Fórum de Sustentabilidade e Turismo na Terra do Vento, com programação aberta ao público nos dias 07 e 08 de Junho. O evento acontece, pelo segundo ano consecutivo, no Rancho do Peixe e será mediado pelo jornalista Victor del Vecchio.

O Fórum tem como foco reunir representantes da comunidade local, empresários, gestores municipais e estaduais, associações e ONGs com o objetivo de debater e encontrar soluções para o desenvolvimento sustentável das regiões de Jericoacoara, Preá e arredores.

O impacto socioambiental do turismo estará no centro das atenções e o objetivo é unir experiências e diferentes perspectivas para identificar quais são as necessidades da região e traçar planos de curto, médio e longo prazo com base nos pilares ESG.

rancho do peixe praia do preá
A pousada Rancho do Peixe, que recebe o evento, promove o turismo sustentável na região. Foto: Rancho do Peixe

Com base em um mapeamento de debates e ações práticas do Fórum de 2023, foram escolhidos 5 temas centrais para a edição de 2024:

  • Turismo sustentável
  • Planejamento urbano
  • Energia
  • Mobilidade
  • Turismo ético
  • Reciclagem e economia circular
  • Conservação da biodiversidade

O II Fórum de Sustentabilidade e Turismo na Terra do Vento é fruto de uma parceria entre Aguama, empresa de gestão e marketing ambiental; Rancho do Peixe, pousada referência em turismo sustentável e esportes de mar e vento, como kitesurf e wingfoil, e Instituto S.E.R., responsável por manter e engajar o turismo a cultura local e iniciativas da comunidade e que também é responsável pela curadoria dos palestrantes e atrações culturais que serão apresentadas durante o evento.

Entre as autoridades estão confirmadas as secretarias de Turismo, por meio da presença de Alexandre Pereira, Meio Ambiente, com Maria José de Farias, Esporte e Cultura, com Marcos Antônio Luzia de Carvalho, e a secretaria de Lideranças Indígenas, representada por Juliana Alves “Cacika Irê”. Também estarão presentes, o Instituto de Ciências do Mar – Labomar, representado por Lidriana de Souza Pinheiro.

pousada rancho do peixe equipe
O envolvimento da comunidad local é fundamental para o desenvolvimento sustentável da região. Foto: Rancho do Peixe

Além disso, já confirmaram presença Clarice Degani, do Conselho Brasileiro de Construção Sustentável, Lito Rodrigues, CEO da Dry Wash, e o cientista Hugo Fernandes, PhD em Zoologia com pós-doutorado em Ecologia e professor da UECE. A programação completa será divulgada em breve.

“Acreditamos que a tecnologia, ciência de dados, saberes da comunidade e uma rede de parceiros de diferentes atuações podem gerar um impacto socioambiental positivo na região”, explica Caio Queiroz, CEO da Aguama. “O Fórum proporciona diálogo entre diferentes setores e destaca projetos para promover uma economia sustentável e circular, beneficiando empreendimentos, comunidade e apoiadores”.

A primeira edição, em junho de 2023, reuniu representantes de diversos setores, que em conjunto com a comunidade e as iniciativas público e privada, promoveram um debate e criaram estratégias e ações para fomentar o desenvolvimento de forma responsável, promovendo o turismo e preservando as riquezas naturais e culturais da região. O evento teve duração de dois dias e um público estimado de 300 pessoas em modo presencial e 2.600 em modo on-line.

II Fórum de Sustentabilidade e Turismo na Terra do Vento

fórum turismo e sustentabilidade
Imagem: Aguama

Município Responsável

O Fórum de Sustentabilidade e Turismo na Terra do Vento faz parte do Município Responsável, um programa de incentivo, gestão e desenvolvimento, que visa unir a comunidade e as iniciativas públicas e privadas para promover a responsabilidade socioambiental, desenvolvimento econômico e a preservação ambiental e cultural dos municípios onde está inserido.

A iniciativa desenvolvida pela Aguama cria estratégias e projetos, para dar continuidade às ações e debates do Fórum. Além das regiões do Preá e Jericoacoara, no Ceará, o programa também atua em Fernando de Noronha, em Pernambuco, e Caraíva, na Bahia.

municipio responsável sustentabilidade aguama
Preá e Jericoacoara, no Ceará, Fernando de Noronha, em Pernambuco, e Caraíva, na Bahia, fazem parte do programa Município Responsável. Fotos: Aguama

“Acreditamos na importância de agirmos como um propulsor do desenvolvimento sustentável, e para isso combinamos a inteligência natural com a tecnologia e ciência de dados, para deixar um legado socioambiental positivo onde atuamos”, finaliza Caio.

A Aguama atua no mercado há mais de 20 anos, criando soluções e estratégias, por meio de uma abordagem colaborativa que considera a diversidade de perspectivas e uma rede de parceiros do setor público e privado.

Para mais informações, acesse www.aguama.com.br.

Rancho do Peixe e Instituto S.E.R.

São marcas que pertencem ao Grupo e*, existente na região há 25 anos. O grupo é reconhecido por adotar em seus s pilares a sustentabilidade e preservação da comunidade nativa em toda a sua gestão. O Rancho do Peixe já opera no Preá há 20 anos, é o pioneiro do turismo responsável na região e tem como seu braço social o Instituto S.E.R, que possui programas de desenvolvimento intelectual e esportivo para a comunidade.

“A parceria com o Rancho do Peixe, para realização do Fórum, coloca em evidência o programa de incentivo, visto que a sustentabilidade está presente em todos os detalhes que a pousada realiza na região. Desde seu engajamento na contratação e treinamento da mão de obra local, apoio aos eventos locais para disseminação da cultura e esporte no turismo, e bem como priorizar uma infraestrutura que preserva o meio ambiente cocriando as construções das acomodações privilegiando a materiais locais e o vento da região”, complementa Silmara Ambrósio, CEO do Grupo e*, responsável pela gestão do Rancho do Peixe.

Para mais informações, acesse www.ranchodopeixe.com.br.

bangalô pousada rancho do peixe
O uso de materia-prima local nas construções faz parte das iniciativas de sustentabilidade da pousada. Foto: Rancho do Peixe