A Unibes Cultural oferece entre os meses de setembro e dezembro de 2019 a exposição O Ser Humano e a Água. Por meio de uma experiência sensorial imersiva e lúdica, a instalação visa transcender o debate sobre o tema e trazer novas reflexões propondo hábitos de consumo mais sustentáveis e alertando o público sobre a quantidade que se gasta na produção de bens de consumo, além dos diferentes impactos ambientais causados pelo comportamento humano

A exposição integra 7 ambientes interativos e instagrameáveis construídos por artistas convidados, começando pelo Túnel Sensorial – Estados da Água, que mostra os estados físicos da água – sólido, líquido e gasoso – seguido pelo cenário Quanta Água? que apresenta uma experiencia tecnologia e interativa sobre a quantidade de água que cada participante tem no corpo.

O espaço Somos Água traz uma reflexão em relação à quantidade de água presente no planeta e no ser humano enquanto que na quarta parte da exposição, o ambiente interativo Matemática da Água convida o público a entender os diversos usos da água pelo ser humano, desde as mais básicas e vinculadas à sobrevivência, até a produção de bens de consumo e seu uso industrial.

O quinto cenário, Da Natureza Para a Sua Casa, tem por finalidade demonstrar o processo desde a origem do recurso hídrico até seu consumo nos lares brasileiros. Posteriormente a Sala das Águas, mostrará o dano causado aos oceanos e o papel dos cidadãos para ajudar o meio ambiente por meio de uma projeção surpreendente

Ao final está a Sala da Cachoeira, onde o visitante atravessará uma cachoeira de lixo e que tem o objetivo de chamar a atenção sobre a quantidade de resíduos que produzimos.

“O percurso inteiro tem como objetivo levantar uma problemática e impactar, educar e conscientizar o público de que somos capazes de transformar a atual situação do meio ambiente”, afirma a curadora da exposição, Patrícia Egel Secco.

Os artistas de cada espaço são: Mauriomar Cid (Túnel Sensorial: Estados da Água), Mário Di Poi (Quanta Água?), Vinicius Leite e Bruna Secco (Somos Água), Ricardo Palmieri (Matemática da água), Carolina Barbosa e Juliana Nersessian (Da Natureza Para a Sua Casa), Bárbara Tércia (Sala das Águas) e Graziela Pinto (Sala da Cachoeira).

Para mais informações, visite o site da Unibes Cultural: unibescultural.org.br/

Serviço

Data: De 13 de setembro a 22 de dezembro

Horário: Das 10h30 às 18h30

Local: Unibes Cultural

Ingresso: R$20 e R$10 (meia entrada)

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.