A vivência “Como Iniciar Uma Agrofloresta – do desenho à mão na massa”, que acontece de 5 a 7 de julho em Araraquara, interior de São Paulo, promete capacitar e ajudar os participantes a iniciar um plantio agroflorestal, desde o desenho até a mão na massa. O facilitador será o agrofloresteiro e comunicador do canal PorQueNão?, Guto Zorello, que junto com os participantes, construirá alguns canteiros agroflorestais.

A agrofloresta é um sistema de cultivo agrícola baseado na sabedoria das florestas: biodiversidade, adensamento de cultivos e solo vivo. Durante a vivência, serão trabalhadas questões como o uso adequado de ferramentas, a capina seletiva, os princípios da agroflorestal (sucessão de espécies e estratificação), a preparação de canteiros, a aplicação do consórcio (plantio de mudas, sementes e estacas), a adubação verde e agroecológica, a cobertura do solo e a importância da vida no solo.

Por falar em vida no solo, o curso ainda vai contar com a participação do Agrônomo Marcelo Sambiase, agricultor orgânico, professor do SENAR e referência em cuidados com o solo na agricultura.

“Serão três dias de aprendizado e vivências intensas, tanto práticas, como teóricas”, diz Guto.

Guto Zorello será o facilitador do curso | Foto: Divulgação

Uma vivência que vai além da técnica

Mão na terra e contato com pessoas que querem mudar o mundo: não é todo dia que temos isso. “Nos cursos de agrofloresta, sempre encontramos pessoas que estão dispostas a mudar a si mesmas e o mundo. E quando pessoas se unem pela regeneração, os resultados são maravilhosos”, afirma Guto.

A parte teórica também é muito importante, já que contextualiza a importância de praticarmos esse tipo de modelo agrícola em dias de agricultura viciada em venenos e adubos químicos. “Todos precisamos comer, então nada melhor do que produzir comida enquanto regeneramos o meio ambiente, enriquecemos o solo e trazemos de volta a água. A agrofloresta é uma prática que está revolucionando o modo como praticamos a agricultura. Nada de veneno, muita biodiversidade e abundância!”, finaliza.

Investimento

3 dias de curso
+ alimentação vegetariana
+ camping
+ certificado
= R$300
Estudantes e agricultores
= R$250

Informações

[email protected] (assunto “CURSO AGROFLORESTA”)

Confira mais informações no evento no Facebook.

Whatsapp: Vivi Noda (11) 9.9383-5755

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.