Quem gosta de plantas e de jardinagem muitas vezes se depara com dúvidas sobre cuidados, espécies mais indicadas, soluções para possíveis pragas, podas ou tipo de solos indicados.

Nessa hora a tecnologia pode ser uma grande aliada. Pela tela do smartphone é possível acessar aplicativos com uma infinidade de informações e dicas para quem quer se aventurar no delicioso mundo da jardinagem.

São diversos aplicativos voltados a este universo e a tendência é que este número aumente. Quem já testou boa parte delas foi a Elis Cristina da Soul Verde. Apaixonada por plantas e pela natureza, a arquiteta se dedica à educação ambiental e projetos de jardinagem. “Os aplicativos me ajudaram e podem ser importantes para quem está com alguma dificuldade no cultivo”, conta.

Veja abaixo o que Elis diz sobre os diferentes aplicativos:

PLANTNET 

“Foi o primeiro aplicativo que baixei e já passou por muitas atualizações desde que baixei, sendo uma ótima opção para identificar aquela plantinha que você encontra no caminho e quer saber seu nome científico. Prático, basta tirar uma foto, seja da sua folha, flor, fruto ou tronco, e especificar para o aplicativo, que fará uma busca, apresentando as possíveis opções dividido em família, gênero e espécie. Caso alguma delas seja a sua plantinha indefinida, ele permite que salve a foto junto com as outras da galeria. Gosto muito desse aplicativo, porém por ser europeu, mais especificamente criado pela inciativa  Floris’Tic, na França, a maioria das espécies encontradas são exóticas, originárias da região norte, mas nada que nos impeça de completar a lista com as nossas belas nativas!”

PLANTSNAP

“Na mesma linha do PlantNet, este aplicativo ajuda na identificação das plantas. Não usei tanto quanto o PlantNet, mas me pareceu muito bom na identificação. Ao contrário do outro este tem a opção premium, caso você queira fazer mais de 10 consultas por dia.”

MOON & GARDEN 

“Quem está por dentro da jardinagem sabe o quanto a lua influência todos os seres vivos na Terra, inclusive as plantas. Esta influência serve de base para o aplicativo que dá dicas diárias baseadas na biodinâmica para o cultivo mais específico de hortas, dizendo o momento certo para semear e plantar, podar, transplantar, fazer mudas, etc. O aplicativo oferece um espaço para fazer suas próprias anotações, tirar fotos dos seus cultivos, e ainda – achei o mais legal de tudo – permite projetar sua própria horta, além de compartilhar com milhares de pessoas ao redor do mundo suas verdinhas.”

PLANTIT 

“Um aplicativo pensado pelos portugueses para ajudar as pessoas a cultivarem seus alimentos orgânicos em casa. Nele você pode encontrar as espécies mais comuns de cultivo para alimentação, como cenoura, alface e tomate. Cada uma tem descrições bem detalhadas, suas propriedades alimentícias, quando semear, plantar, colher e como é sua rega, além de dicas ótimas de consumo e do seu próprio cultivo. De saideira, ainda traz dicas de combate natural de bichinhos e doenças.”

CULTIVAR 

“Sem dúvida a queridinha da maioria é a horta, por este motivo, aplicativos que ajudam a ter horta em casa existem aos montes! Um desses, feito especialmente para nós aqui no Brasil, mostra o que cultivar de acordo com as fases da Lua e o clima de cada região do país, auxiliando no planejamento das hortas caseiras. Dá muitas dicas boas e faz uma relação entre o exercício de  cultivar seu próprio alimento e o de criar novos hábitos. Mais que uma ajuda, o aplicativo convida seus usuários a ter mais paciência, olhar com atenção ao que se faz, e mostra que este processo de superação e evolução é gratificante, prazeroso, e vale muito a pena!”

AGROFLORESTA

“Este aplicativo é mais específico e foi pensado para apresentar o conceito da Agrofloresta por meio de vídeos com um dos principais nomes na área, o suíço Ernst Gotsch. O objetivo é criar uma base de dados sobre o assunto de forma colaborativa, fortalecendo a rede de agricultores que seguem nesta linha. Sendo assim, podem encontrar catálogo de espécies e suas características, tirar dúvidas, compartilhar informações, biblioteca, divulgação de eventos e mapa de agricultores cadastrados. Para o futuro, o aplicativo quer ter um banco de sementes que serão doadas, uma melhor catalogação dos agricultores agrofloresteiros pelo Brasil e ainda uma TV agroflorestal”.

WATERBOT 

“É o aplicativo mais sonhado pelo povo que esquece de regar suas plantas! Isso mesmo, a ideia do aplicativo é criar um planejamento para que mais nenhuma plantinha morra de sede, ou afogada! Através de uma catalogação das plantas que tem em sua casa, tirando foto delas e criando avatares, o aplicativo notifica quando a planta precisa ser regada, e você pode configurar para te lembrar a qualquer período do dia. Aqui vale lembrar que ele NÃO saberá quando sua planta precisa de água, apenas é para te ajudar a lembrar, e até ajudar a criar um histórico de rega para suas plantinhas, o que facilitará a relação de rega das atuais e das suas futuras. Portanto, não se apegue ao aplicativo, ele é apenas uma ferramenta de auxílio, assim como qualquer um dos outros mencionados aqui!”

JARDIM FÁCIL 

“Esse é o meu aplicativo favorito e eu uso bastante. Desenvolvido pelo Jardim Botânico Plantarum, do Engenheiro Agrônomo Harri Lorenzi (o mesmo dos livros incríveis de Botânica), este aplicativo é pago, caso contrário tem uso limitado. Possui uma base de dados riquíssima de espécies Nativas e Exóticas, 2.255 espécies, na sua maioria usadas na Jardinagem e Paisagismo, com descrição das características em relação à luminosidade, solo, incidência, clima, tipo de uso paisagístico, forma de crescimento, altura, ciclo vital, dentre outros. Além disso, o aplicativo facilita a seleção das plantas que procura através da filtragem desejada.”