Desde o início de dezembro, os moradores de São José dos Campos, no interior de São Paulo, têm acesso, ao serviço de carros elétricos compartilhados em vias públicas.

São José foi a primeira cidade do Brasil a disponibilizar carros elétricos compartilhados em vias públicas com sistema dockless. Em outras cidades do país, como como São Paulo e Fortaleza, o serviço já existe, porém, os veículos possuem estações definidas de estacionamento para retirada e entrega.

População aprova a iniciativa

Lançado no dia 13 de dezembro, o compartilhamento de carros elétricos já caiu nas graças de moradores. Os veículos tiveram grande circulação nos primeiros dias de operação, inclusive com a chegada de mais carros à cidade.

De acordo com a Beepbeep, empresa responsável pelo serviço, São José recebeu inicialmente cinco veículos e, em poucos dias, foram registrados sete carros na cidade, com usuários que fizeram a retirada em São Paulo e vieram para São José, onde deixaram os veículos.

Por meio do sistema dockless, sem estações de travamento, os usuários poderão usar os carros elétricos compartilhados por toda a cidade e devolvê-los em qualquer local apropriado para seu estacionamento, dentro da área de abrangência, assim como já acontece com o serviço de bicicletas e patinetes compartilhados no município.

Em São José, as áreas de abrangência iniciais ficarão no Centro, Vila Ema e Jardim Aquarius e poderão ser consultadas pelo aplicativo da Beepbeep.

Deslocamentos intermunicipais

Com o carro elétrico, é possível circular em qualquer cidade. No entanto, o encerramento da corrida só poderá ser feito em áreas de abrangência. É possível, por exemplo, pegar um veículo em São José e ir até o aeroporto de Guarulhos ou para São Paulo, e deixar o carro nas estações da empresa. Assim como pegar um veículo em São Paulo e vir para São José.

Paralelo ao início do serviço, a Prefeitura de São José inaugurou vagas exclusivas para carros elétricos, demarcadas com placas e sinalização de solo – nas cores azul e amarela e ícones alusivos à eletricidade. O objetivo é estimular o uso de veículos elétricos na cidade.

Foto: Charles de Moura | PMSJC