scooter elétrica Honda
Foto: Divulgação | Honda
- Publicidade -

Em abril deste ano, a Xiaomi lançou dois novos modelos de scooter elétrica de baixíssimo custo, com recursos avançados para navegação. Os modelos A1 e a A1 Pro surpreenderam o mercado chinês. No início de agosto, foi a vez da Honda, marca mais tradicional, lançar a sua scooter elétrica pelo preço de US$ 1.150,00 – a U-GO já havia sido considerada super econômica.

Supreendentemente, o novo lançamento da marca japonesa é ainda mais barato. Por US$ 475, preço menor do que os últimos lançamentos de algumas marcas de smartphones, é possível levar a U-BE, nova scooter elétrica da Honda para a casa.

Foto: Divulgação | Honda

Pelo menos na China, onde o modelo foi lançado. No mercado chinês a nova scooter foi classificada como uma bicicleta elétrica, por algumas razões. Primeiro, os pedais estão incluídos no modelo e podem ser usados no lugar da energia. Além disso, a U-BE tem velocidade máxima de 25km/h, definida como a velocidade máxima das bicicletas em ruas chinesas.

- Publicidade -
Foto: Divulgação | Honda

Exclusivamente urbana, a U-BE tem motor na roda traseira de 350 W de potência média, com três opções de bateria (48V15Ah e 720 Wh, 48V20Ah e 960 Wh, 48V24Ah  e 1,152 Wh). A autonomia dos três modelos é 55 km, 70 km e 80 km, respectivamente. Usando os pedais, a autonomia é aumentada.

Foto: Divulgação | Honda

No Brasil o modelo não seria considerado ciclomotor e poderia ser usado sem habilitação especial e circular por rodovias. Mas a Honda disse em comunicado oficial que não há informação sobre a chegada do modelo ao mercado brasileiro.

Veja a matéria do Olhar Digital sobre a nova scooter elétrica da Honda
- Publicidade -