- Publicidade -
vila Irã
Foto: Soroush Majidi

Um pequeno vilarejo turístico acaba de nascer na ilha iraniana de Hormuz. Localizada no Golfo Pérsico – região que detém mais da metade das reservas petrolíferas mundiais – a vila colorida destoa dos tensos conflitos locais.

- Publicidade -

São 200 unidades abobadadas que somam mais de 10 mil metros quadrados. A construção reúne 15 hospedagens de férias, de diversos tamanhos e interconectadas. Ainda conta com restaurantes, cafés, lojas de souvenirs, centro de recepção e informações turísticas.

Desenvolvidas pelo arquiteto iraniano Nader Khalili, as cúpulas foram construídas com superadobe. Na técnica construtiva, sacos são preenchidos com terra e comprimidos para, sendo posicionados uns sobre os outros, formarem paredes. Neste projeto em questão, os sacos foram apoiados em aço e finalizados com cimento.

A construção, batizada de “Presença no Hormuz 2”, sucede a inauguração de um centro comunitário construído nos mesmos moldes. Ambos foram projetados pelo escritório ZAV Architects, com sede no Teerã, que está capacitando a comunidade local na técnica de bioconstrução.  

Pintadas de amarelo, vermelho, azul e cinza, as cúpulas explodem em cores inspiradas na singular paisagem da própria ilha, que inclui praias, montanhas e até cavernas coloridas.

- Publicidade -

As cores estão presentes também nas paredes do interior de cada unidade e até nos móveis.

Para os arquitetos, tais projetos trazem diversos benefícios. O maior deles é a economia, uma vez que o orçamento pode ser direcionado, sobretudo, para custear a mão-de-obra em vez de materiais importados. Consequentemente, gera emprego, renda e capacitação em novos métodos construtivos para a população local. A redução dos custos em transporte também é apontada como consequência do uso de materiais e recursos humanos locais.  

Descrito pelos arquitetos como uma “residência cultural”, o conjunto de cúpulas está localizada próximo à principal cidade da ilha. A ideia é que o projeto ajude a aumentar o turismo e apoiar a comunidade local.

- Publicidade -

Fotos: Soroush Majidi, Tahmineh Monzavi, DJI, Payman Barkhordari