Uma fazenda urbana produz muito mais do que alimentos na capital Russa. A estrutura, planejada pelo escritório de arquitetura Wowhaus, ajuda a reconectar as crianças à natureza. As atividades educativas realizadas no espaço mostram como produzir alimentos e cuidar de animais.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O projeto é o primeiro do tipo em Moscou e surge com o intuito de mostrar que, mesmo na cidade grande, é possível praticar agricultura, ter animais, se alimentar de maneira saudável e viver em harmonia com a natureza.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A fazenda urbana está espalhada por uma área de três hectares e possui áreas cobertas e descobertas. Toda a arquitetura lembra as tradicionais propriedades rurais e o complexo conta com três áreas educacionais principais: a zona dos animais, com galinheiro, cabras, vacas, ovelhas, entre outros; a zona de oficinas e a zona de cultivo, que inclui estufas, pomar e horta.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Nas atividades, as crianças são incentivadas a plantar e cuidar dos plantios, a alimentar os animais e até a preparar refeições com o que é colhido no espaço. Para isso, a fazenda conta com um restaurante, onde as crianças participam de oficinas de culinária.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Este tipo de projeto ajuda a mostrar como os alimentos são produzidos, de onde eles vêm, além de instigar desde pequeno o cuidado com a terra e com os animais. O espaço também está aberto aos adultos, que podem participar de aulas práticas no local, oficinas, workshops e apresentações temáticas e recreativas.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Redação CicloVivo