Os arquitetos alemães Ben e Daniel Dratz projetaram a Paper House, um pavilhão elaborado com cubos de papel reciclado. Eles acreditam que o material possa ser usado na construção civil, já que os cubos se mostraram duráveis e resistentes à umidade.

Depois de coletar toneladas de papel nos supermercados, os irmãos Dratz confeccionaram mais de 550 cubos de papel reciclado para construir um pavilhão sustentável em Essen, na Alemanha. Nomeada como  Paper House, a obralevou oito meses para ficar pronta e venceu um concurso que premiava os projetos criativos desenvolvidos por jovens arquitetos alemães, patrocinado pela Escola de Essen Zollverein de Administração e Desenho (ZSMD).

Durante os testes realizados na obra, os irmãos Dratz concluíram que é possível utilizar os cubos de papel reciclado para erguer estruturas de até cem metros de altura. E mais: ao comprimir o material, a construção fica resistente à ação das chuvas, dos ventos e da umidade. “Ficamos surpresos com a durabilidade do material. Depois de vários dias de chuva forte e um dia ensolarado, os cubos de papel reciclado estavam secos”, diz Daniel Dratz, que considerou a Paper House como um edifício-conceito.

A próxima meta dos arquitetos é transformar os cubos de papel reciclado em um novo material de construção. No entanto, será necessário desenvolver uma série de pesquisas que comprovem a segurança e a viabilidade do material para a construção civil. Com informações do La Manufacturera.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.