- Publicidade -

Com a chegada do inverno, muita gente interrompe a rotina de exercícios físicos, mas é nesta época do ano que as corridas devem se intensificar: no frio, aumenta a ingestão de alimentos de alto teor calórico, que são eliminados com mais facilidade por meio da atividade física. Além disso, as corridas melhoram o humor e ajudam a aumentar a resistência do corpo, prevenindo gripes, resfriados e outras doenças sazonais.

O tempo frio, que incomoda muita gente na hora de praticar atividades físicas, foi responsável pela criação da esteira de corrida: o aparelho de fitness indoor foi criado na Europa, para que as baixas temperaturas não atrapalhassem a atividade esportiva. Para quem prefere correr na rua, o CicloVivo separou algumas dicas para melhorar a prática do esporte nesta época do ano:

Beba bastante água

- Publicidade -

Muita gente acha que, com as temperaturas mais baixas, o corpo não sente falta de água: pelo contrário – nesta época do ano, é recomendável beber cerca de três litros por dia. No entanto, quem corre no inverno precisa se hidratar antes e depois dos treinos, pois o líquido é indispensável – e, ao longo dos exercícios, é necessário manter o hábito de beber 200 ml água a cada 20 minutos.

Aposte numa dieta que aumente a imunidade do corpo

No inverno, consuma alimentos ricos em vitaminas C, como frutas e legumes – aproveite para comer bastante laranja, acerola, mamão, brócolis, morango, goiaba e kiwi. Como a corrida aumenta a resistência orgânica, os alimentos ricos em vitaminas vão “turbinar” o efeito dos exercícios. Consuma os alimentos que possuem vitamina E, que atuam como antioxidantes potentes, que combatem os efeitos dos radicais livres – a exemplo das amêndoas, ovos e gérmen de trigo.

Escolha a roupa certa

Na hora de correr na chuva ou na garoa, dispense as capas de proteção: além de o plástico não ser nada sustentável, o acessório aumenta a temperatura do organismo, provocando sudorese excessiva e deixando o corpo desidratado.

Use um agasalho para proteger sempre o peito do ar frio, e não se esqueça de blindar os pés e as mãos, com meias e luvas especiais. Aposte também nos tecidos inteligentes, que diminuem a transpiração e mantêm a temperatura média do corpo. Quando a corrida acabar, troque as roupas usadas por peças secas o mais rápido possível. Com informações do Catraca Livre.

Redação CicloVivo

- Publicidade -