Serão plantados ipês, copaíbas, angicos, árvores frutíferas e de outras espécies.
- Publicidade -

A Virada do Cerrado, que aconteceu em setembro em Brasília, continua refletindo na educação ambiental no Distrito Federal. Agora os organizadores se preparam para realizar outras atividades socioambientais. O próximo evento será um mutirão de plantio de árvores, a Virada do Plantio, marcada para o próximo sábado (21).

De acordo com a coordenadora de Mobilização Socioambiental, Cláudia Sachetto, a Virada do Cerrado é um programa para a educação a mobilização socioambiental, que envolve atividades continuadas ao longo do ano, até o próximo grande encontro, em setembro de 2016. Com parte das ações, a Virada do Plantio vai ocorrer em várias regiões Administrativas do Distrito Federal.

Antes do “dia D”, os grupos realizam oficinas preparatórias para este mutirão, com a coleta de sementes. Segundo Cláudia, o objetivo das oficinas é preparar as pessoas para realizar esses plantios de forma correta, porque o índice de mortalidade de mudas é muito grande, seja porque são plantadas em épocas erradas ou em locais não propícios para cada espécie. “Essas oficinas visam ensinar as pessoas a plantarem de forma correta”, diz Sachetto.

- Publicidade -

No dia da virada, serão plantados ipês, copaíbas, angicos, árvores frutíferas e de outras espécies.

As informações são da EBC.

- Publicidade -