- Publicidade -

Os médicos e voluntários da ONG Expedicionários da Saúde, que prestam atendimento às populações indígenas da área do Parque do Xingu há dez anos, estão de malas prontas para mais uma viagem, que vai durar sete dias e tem por objetivo auxiliar as comunidades isoladas do norte do país. Estima-se que serão realizados até 1500 atendimentos médicos e 150 cirurgias no período, mas ainda faltam ser executadas várias reformas na estrutura, que podem ser financiadas por qualquer pessoa, através da internet.

Os membros do grupo Expedicionários da Saúde deverão partir em abril, e, além dos atendimentos que salvam vidas, os engajados também se encarregaram de melhorar a infraestrutura da região em que atuam – a base do Distrito Sanitário Especial Indígena, também conhecida como Polo Leonardo, instalada no Parque Indígena do Xingu. Com apoio dos internautas por meio da plataforma de financiamento coletivo Catarse, o grupo espera reformar ambulatórios, uma escola, construir banheiros e vencer outras demandas da região, como instalação e manutenção dos sistemas de eletricidade.

- Publicidade -

“O nosso foco é cuidar da saúde dos indígenas para que eles possam preservar sua cultura e seu modo de vida. Vamos precisar de muita ajuda, porque tudo é longe, tudo é muito difícil”, diz Ricardo Affonso Ferreira, médico e fundador dos Expedicionários da Saúde. O orçamento das reformas é de 30 mil reais, e deverá ser arrecadado até o dia cinco de abril, por meio do Catarse. Caso a meta não seja atingida, todos os apoiadores receberão o dinheiro de volta. Os internautas que colaborarem com o projeto também receberão menções nas redes sociais, materiais da viagem e até um livro com fotografias das expedições da ONG.

Os voluntários explicam que, para realizar a expedição, são necessários quatro meses de planejamento. Até o início da viagem, os membros precisam firmar parceria com agentes e instituições locais de saúde, além de cuidar do transporte e da acomodação dos pacientes em tratamento. O grupo ainda pede apoio de empresas com recursos financeiros, empréstimos e doação de equipamentos e medicamentos para os índios atendidos.

A expedição será realizada entre os dias 12 e 21 de abril no Parque Indígena do Xingu, uma área onde habitam 16 diferentes etnias, com suas peculiaridades socioculturais. Veja o vídeo da ação:

Por Gabriel Felix – Redação CicloVivo

- Publicidade -