Sabe aquele lápis quebrado ou caneta sem tinta que já não pode mais ser utilizada e que acabaria no lixo? A boa notícia é que esse material pode ser transformado em novos produtos e ainda beneficiar escolas de todo o Brasil. O responsável por tornar isso possível é o Programa Nacional de Reciclagem de Instrumentos de Escrita que está promovendo o concurso “Faxina nos Armários” que irá premiar uma instituição de ensino pública com kits de material escolar pelo período de um ano. Entre os resíduos aceitos, estão os itens a seguir, de qualquer marca: canetas, canetinhas, marca texto, canetões para quadro branco, lápis, lapiseiras, entre outros. Qualquer consumidor, escola, condomínio, empresa ou organização pode participar, desde que indique uma instituição de ensino pública para receber o prêmio.

O Programa, que existe desde 2012, lançou a 7ª edição do Concurso Faxina nos Armários. O participante que enviar mais instrumentos de escrita terá a oportunidade de premiar uma instituição de ensino pública à sua escolha. Além disso, serão computados pontos bônus para os participantes que se destacarem no concurso.  Esses pontos podem ser convertidos em doações financeiras para as próprias escolas e ONGs. 

Em 2018, o time vencedor do concurso foi o Colégio Estadual Professor Magalhães Neto, localizado no município de Ruy Barbosa, na Bahia. Os alunos e professores se mobilizaram e criaram metas individuais para coleta do material. O alto engajamento do corpo docente e dos estudantes foi essencial para alcançarem o primeiro lugar e receberem o prêmio que foi distribuído entre os alunos que tiveram o melhor desempenho na coleta. O aluno Emerson, que se destacou na coleta entre os colegas de classe, falou sobre o impacto do Programa: “É um projeto importante que ajuda a reduzir os índices de poluição, e é um reconhecimento nacional que realmente traz muito orgulho para cada um de nós.” A diretora Maria Auxiliadora, ressalta: “Desde que começamos esta campanha nós vimos a diferença em nossos alunos e na consciência ambiental, hoje eles sabem o que pode ser jogado na natureza e o que devem trazer para a reciclagem.”

Basta acessar o site da TerraCycle, para se inscrever no Programa Nacional de Reciclagem de Instrumentos de Escrita e começar a coleta. Assim que uma grande quantidade for acumulada, é necessário gerar a etiqueta de postagem pré-paga disponível na página do programa e levar até uma agência dos Correios. Somente os materiais recebidos e contabilizados dentro do período de duração do “Faxina nos Armários” (01 de março a 31 de maio de 2019) concorrerão às premiações. Para garantir sua participação, é importante observar o prazo de 3 a 5 semanas após a postagem para que o material seja recebido pela TerraCycle. Lembrando que o programa permanece vigente mesmo após o término da ação, com a pontuação regular de R$ 0,02 por unidade (12gr).

Site e regulamento do concurso aqui.