SC e PR têm novas linhas de financiamento para projetos fotovoltaicos

Três parcerias facilitam a instalação de sistema solar para geração de energia limpa, sustentável e de baixa manutenção

financiamento sistema fotovoltaico
Foto: Quantum Engenharia

O mercado conta agora com três novas opções de financiamento para investimento em projetos fotovoltaicos para geração de energia limpa, sustentável e de baixa manutenção. A Quantum Engenharia estabeleceu três parcerias para financiamento da compra e instalação de sistemas de energia solar para empresas de Santa Catarina e Paraná via Unicred Florianópolis, Unicred Vale Europeu e Santander.

Além de reduzir gastos com energia elétrica, as empresas que investem nesses projetos ainda fortalecem sua responsabilidade ambiental. O foco das linhas de financiamentos são projetos que podem ser instalados em estabelecimentos de todos os tamanhos, de pequenos comércios, como padarias, lojas e minimercados, a indústrias.

Os empresários interessados podem procurar a Quantum para determinação dos detalhes do projeto e, depois, contatar seu gerente bancário para avaliação do crédito.

“O payback, que é o tempo que o valor do investimento leva para retornar na forma de economia na conta de luz, é de seis a sete anos”, destaca Julio Cesar Ferreira da Silva, gerente do Departamento de Energia Solar da Quantum.

Segundo a empresa, as placas fotovoltaicas duram cerca de 25 anos, gerando energia limpa, sem geração de ruído ou resíduos e sem emitir no meio ambiente o dióxido de carbono (CO2), o principal responsável pelo efeito estufa.

As novas linhas de crédito

  • Santander – parceria parafinanciamentos em cidades de Santa Catarina e do Paraná. A taxa é a partir de 0,79% ao mês, a depender da análise de crédito do cliente. Ainda, existe a possibilidade de pagamento em 24 vezes sem juros.
  • Unicred Florianópolis – parceria para oferta de linha de crédito para empresas atendidas pela regional Florianópolis (SC), com taxa a partir de 0,15% + CDI, conforme análise de crédito do cliente.
  • Unicred Vale Europeu – parceria com oferta de linha de crédito para empresas sediadas nas cidades da região de Blumenau (SC). A taxa é a partir 0,30% + CDI, segundo avaliação de crédito do cliente.

Setor em crescimento

Em 2019, o mercado de energia solar brasileiro bateu recorde, ultrapassando os 2,4 GW instalados (aumento de 212%). Dados da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) mostram que foram implementados mais de 110 mil sistemas fotovoltaicos de microgeração (até 75 kW) ou de minigeração (entre 75 kW e 5 MW) de energia, representando investimento na ordem de R$ 4,8 bilhões. 

magazine luiza
Foto: chuttersnap | Unsplash

Informações de junho da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar) apontam que, em maio de 2020, a energia solar passou a responder por 1,6% da matriz energética brasileira, o que significa que 2,87 GW de potência instalada no país provêm de uma fonte de energia limpa, renovável e sustentável. E a previsão é que o Brasil feche 2020 com 174 mil sistemas fotovoltaicos on-grid (0,21% das unidades consumidoras).

Um exemplo de sucesso é a indústria Pontal Têxtil, de Guabiruba (SC), que em novembro de 2019 colocou em operação um projeto com 648 módulos.

“Estou bastante satisfeito com o desempenho do sistema. Inclusive vários clientes já apresentam interesse em instalar em suas empresas”, conta o empresário catarinense Virton Luiz Liell, sócio administrador da indústria. Conforme ele, nos primeiros quatro meses de operação o sistema já havia rendido economia superior a R$ 50 mil. “A economia média mensal está em R$ 12,9 mil”, conta.