amazônia em pé

Como parte das reflexões geradas em decorrência do Dia da Amazônia – celebrado em 5 de setembro – as empresas Tucum e Menos 1 Lixo lançaram na última quarta-feira (9) o evento online e gratuito Amazônia em Pé. A mobilização traz um ciclo de debates com especialistas indígenas de áreas diversas.

Tendo como foco o valor da floresta em pé, os debates refletem sobre possibilidades de viver na floresta e da floresta. Como já bem disse Ailton Krenak, a floresta não precisa ser intocada. Exemplo disso é que ele mesmo participou ativamente da criação de reservas extrativistas nos anos 80 junto a companheiros indígenas e seringueiros – sendo Chico Mendes o nome mais conhecido desta luta.

Outro case recente é estudo que revelou que agroflorestas na Amazônia podem gerar mais lucro que soja.

No evento Amazônia Em Pé, temas como cuidado, regeneração e prosperidade da floresta vão entrar na roda. Os debates serão mediados pelo professor Estevão Ciavatta e autor de “Amazônia: Por uma Economia do Conhecimento da Natureza”, pela apresentadora Astrid Fontenelle e pela ativista Fe Cortez, idealizadora do Menos 1 Lixo.

“O objetivo é compartilhar os projetos que geram riquezas com a Amazônia Em Pé e quais as vantagens econômicas e sociais desse processo. Além de debater como podemos mudar a estrutura da violência do racismo com povos indígenas na nossa sociedade. E abordar a conexão entre a floresta, a espiritualidade, o xamanismo e a cura”, explica a organização do evento em comunicado.

Programação

9 de setembro
Às 14h no canal do Menos 1 Lixo
As riquezas da floresta em pé
Mediação de Estevão Ciavatta e participação de Ricardo Abramovay, Leonice Tupari Ianukula e Kaiabi Suia

Já pode ser visto no canal de Youtube Menos 1 Lixo

10 de setembro
Às 14h no canal do Menos 1 Lixo
Vidas indígenas importam
Mediação de Astrid Fontenelle e participação de Daniel Munduruku, Alice Pataxó e Naine Terena

11 de setembro
Às 14h no canal do Menos 1 Lixo
A cura pela floresta
Mediação de Fe Cortez e participação Shaneihu Yawanawá e Narayamat Suruí

O evento é gratuito. Inscrições e mais informações neste link.