Que tal começar o ano conectado à Natureza? O Sítio Kaiuá, em Joanópolis, a apenas 120 Km de São Paulo, realiza uma Vivência de Introdução à Permacultura, nos dias 12 e 13 de janeiro, com foco no tratamento de água. Além dos proprietários do Sítio e permacultores José Renato Meister e Carolina Del Vecchio Nunes, a Vivência conta com um convidado especial: o permacultor Bruno Benedetti, do Equador.

Os participantes vão construir um um sistema de tratamento de água cinza (água da cozinha, chuveiro e máquina de lavar) do galpão do Sítio. O tratamento é fundamental para evitar que haja contaminação do lençol freático e é um processo de fácil implantação em qualquer propriedade, inclusive nas cidades em que não há esgoto tratado.

A Vivência ainda aborda os princípios éticos e de design da permacultura e como implementá-lo em nosso sistema, seja em meio rural ou urbano. Para isso, serão apresentadas as principais técnicas utilizadas em diversas eco aldeias do mundo, como horticultura regenerativas, reciclagem de matéria orgânica, sistemas para captação de água, conservação de energia, e tratamento de resíduos. Os facilitadores vão realizar dinâmicas utilizadas no universo da permacultura para melhor leitura da paisagem, convívio social e integração, como dragon dreaming e ecologia profunda.

A Vivência, que inclui todas as refeições, custa R$ 260. É preciso levar barraca de camping.

Sobre os professores

Bruno Benedetti é permacultor certificado pelo (PRI) Permaculture Research Institute. Vive atualmente em Quito – Equador, onde promove cursos na área de permacultura, agricultura regenerativa e agroecologia para organizações privadas, ONGs e um centro de permacultura em Quito – (Centro Tinku).

José Renato Meister (Brasil) é agrônomo, produtor orgânico, apicultor, artesão ecológico, instrutor rural e morador da mata há mais de 20 anos. A frente do Sítio Kaiuá, da Oficina Caiuá e instrutor do Senar- SP.

Carolina Del Vecchio Nunes é formada em turismo, atuando hoje como artesã da Amor’a Studio e Oficina Caiuá, e também a frente do Sítio Kaiuá.

Sobre o Sítio Kaiuá

O Sitio produz há 20 anos alimentos e medicinas, seguindo princípios de agroecologia, construções passivas, formas de economia alternativas e arte. Mantém 80% da sua mata preservada.

Serviço

Vivência de Introdução à Permacultura

12 e 13 de janeiro, das 8h de sábado até 15h30 de domingo
Com Bruno Benedetti (Equador), José Renato Meister (Brasil) e Carolina Del Vecchio Nunes (Brasil)
Sítio Kaiuá – Joanópolis
Investimento: R$ 260 (inclui todas as refeições)
Hospedagem: Camping
Inscrições: [email protected] Whatsapp: 11-97130-3335
Evenbrite (tem taxa de administração, mas oferece parcelamento em até 10 vezes): https://perma1.eventbrite.com.br

Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.