O que era apenas um aglomerado empresarial comum em Bogotá, na Colômbia, ganhou um respiro verde a partir de um projeto paisagístico. Em meio ao duro concreto dos prédios circundantes, foi revitalizada a praça do Centro Empresarial de Santa Bárbara onde se sobressaem a vegetação, um lago de água pluvial e a geometria indefinida.

“Os traços, texturas e cores do design recriam um ecossistema intermediário entre o aquático e o terrestre”, explica o estúdio de arquitetura Obraestudio, responsável pelo projeto. Parte disso, porque na praça foi criado um jardim que aproveita água da chuva.

Este conceito está baseado nas zonas úmidas da Savana de Bogotá, assim como suas áreas rochosas e suas espécies de plantas abundantes. Isso cria um grande contraste com os edifícios existentes.

O projeto de aproximadamente 8.300M2 transformou uma área comum que dá acesso a seis torres comerciais em um local agradável de se estar. Onde antes havia apenas um vazio ganhou um parque linear com trilhas sinuosas intercaladas e vegetação nativa. E  manteve os telhados verdes pré-existentes. Além disso, realizou uma reforma no antigo elevador e escada, usando uma estrutura de aço que agora integra a arquitetura e cria um espaço escultural. A combinação de tais elementos mudaram completamente o visual do local, o que certamente contribui positivamente para a experiência cotidiana dos que ali trabalham.  

Fotos: Daniel Segura, Andrés Valbuena, Jairo Llano