A Eletrobras Eletrosul, subsidiária das Centrais Elétricas Brasileiras S.A, implantou seu primeiro prédio sustentável de uso administrativo. O empreendimento foi instalado em uma das maiores unidades de transmissão da empresa, localizado em Campos Novos, Santa Catarina.

O projeto conta com uso e aproveitamento de recursos naturais renováveis e redução da necessidade de uso intensivo de energia elétrica. Dessa forma, o consumo de água e energia pode ser reduzido em até 60%.

Com 560 metros quadrados de área construída, o prédio é dividido em dois pavimentos e possui uma torre multifuncional, em que são reunidos alguns equipamentos eficientes. Entre os recursos, há um reservatório de água potável, sistema de coleta e reservatório de água da chuva e coletor para aquecimento solar da água.

O objetivo da Eletrosul é tornar suas construções referência na aplicação dos conceitos de eficiência energética, conservação de energia e de sustentabilidade.

“A preocupação da empresa em propiciar a segurança energética ao Brasil também está pautada na proteção e cuidado com o meio ambiente e isso se traduz nos nossos investimentos em energia limpa, nessa construção e em várias outras ações da empresa”, afirmou o presidente da estatal, Eurides Mescolotto.

Ao todo foram investidos cerca de R$ 815 mil na construção do edifício. Com informações do Correio do Brasil.

Redação CicloVivo

Avatar
Arquiteta e urbanista com formação em desenvolvimento sustentável pela University of New South Wales, em Sidney, Austrália. Fundou o CicloVivo em 2010 com a proposta de falar sobre sustentabilidade de forma divertida e descomplicada. Acredita que o bom exemplo é a melhor maneira de influenciar pessoas e que a simplicidade é a chave para vivermos em harmonia.