atletas veganos
Foto: Instagram
- Publicidade -

Medalhistas dos recém-finalizados Jogos Olímpicos de Tóquio e atletas que adotaram uma alimentação vegana são os convidados de uma série de lives que a Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) está promovendo nesta semana. Com participação de profissionais da saúde, especialistas em alimentação à base de vegetais e do presidente da SVB, Ricardo Laurino, as conversas abordam temas como saúde, esporte e alimentação.

Entre as atletas que retornaram da capital japonesa com a medalha no peito, está a jogadora do time de vôlei feminino das Olimpíadas de Tóquio, Macris Carneiro. Ela esteve na estreia das lives, no perfil da SVB no Instagram, ao lado de Alessandra Luglio, nutricionista e diretora do Departamento de Campanhas da SVB e Ricardo Laurino.

Medalhistas de prata, a levantadora Macris e a central Ana Carolina, também da seleção, fazem parte do ‘Green Team‘, grupo mantido pela SVB que reúne esportistas e profissionais da área para troca de informações técnicas e estímulo da alimentação livre de produtos de origem animal para atletas de alto rendimento.

- Publicidade -

Outro nome que ganhou muito destaque nos Jogos Olímpicos foi o do técnico da Seleção Brasileira de Skate Street, Roger Mancha. Mancha, que é ex-atleta do skate, convive com uma doença autoimune e mantém, junto com a mulher, um restaurante sem ingredientes de origem animal em São Paulo. Ele foi um dos convidados da live realizada terça-feira (17) junto com a atleta do rúgbi feminino, Marina Fioravanti, que também esteve nos Jogos de Tóquio. Aliás, esporte esse que força e agilidade são essenciais, o que Marina, com sua alimentação, diz ter melhorado ainda mais.

Ambas lives ficaram gravadas e podem ser conferidas no IGTV da SVB.

Após uma pausa na quarta, os encontros ao vivo retornam nesta quinta-feira (19) com a participação de Naná Almeida, nadadora que representou o Brasil no revezamento 4x200m nos jogos olímpicos, e Guilherme Fioravanti, ex-jogador de futebol, atleta de futevôlei e personal trainer, além de Marcela Worcemann, nutricionista vegana e maratonista.

Para encerrar a semana, o médico nutrólogo e diretor do Departamento de Medicina e Saúde da SVB, Eric Slywitch, recebe profissionais de saúde para uma conversa a respeito do impacto positivo da alimentação vegana na saúde e na eficiência dos atletas.

Acompanhe as lives pelo Instagram da SVB.

Esporte e dieta sem carne

Ao contrário do que muitos imaginam, a dieta plant-based contribui imensamente para a performance de esportistas. Quando bem planejada, atende todas as necessidades de forma natural, íntegra e balanceada.

Disponível no Netflix, o documentário The Game Changers aborda justamente a dúvida sobre se é possível viver uma dieta baseada em vegetais e ter alto rendimento nos esportes. Com relatos de sucesso de atletas veganos, como o heptacampeão mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton, o documentário destaca estudos e benefícios das dietas à base de plantas, que também serão compartilhados nas lives da SVB.

Green Team

O ‘Green Team’ é um grupo exclusivo que reúne esportistas e profissionais da área para troca de informações técnicas. Foi criado pela SVB com o objetivo de apresentar os benefícios da alimentação livre de produtos de origem animal para atletas.

Quem quiser participar pode acessar o site do projeto. Nele, é possível preencher um formulário para se identificar e, também, ter acesso a um canal exclusivo do Telegram com matérias, dicas, depoimentos, além de receber o suporte de outros atletas e profissionais do esporte.

- Publicidade -