jatai abelha sem ferrão
Jataí, espécie de abelha sem ferrão | Foto: SIMA

A Umapaz (Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cultura de Paz) está realizando uma série de palestras sobre questões relacionadas à fauna e flora. Na próxima quarta-feira (28), o foco será meliponicultura: a criação racional de abelhas sem ferrão.

As espécies de abelhas sem ferrão prestam diversos serviços ecossistêmicos. São bioindicadoras da qualidade do ar, da água e do solo. Além disso, a segurança alimentar do planeta depende destas grandes polinizadoras. Por sua inestimável importância, criá-las unicamente para habitar seu quintal e estimular sua presença na natureza é um grande feito.

O evento é relacionado ao universo dos Jardins Amigos da Fauna, que é tema de um curso realizado pela Umapaz. Confira abaixo o conteúdo programático: 

  • O que é a Meliponicultura?
  • O que são as abelhas com e sem ferrão?
  • Qual a importância delas em nossas vidas?
  • Quais são as abelhas sem ferrão mais comuns na metrópole?
  • E o mel?
  • O que podemos fazer para ajudá-las 

Facilitação

Flávio Yamamoto

Atua há mais de 10 anos na defesa das abelhas nativas, sendo um dos fundadores do SOS Abelhas sem Ferrão e fundador do Muda Butantã – extensão do coletivo Muda Sampa, um grupo de voluntários que se propõe a plantar árvores voluntariamente nas calçadas do bairro.

Proprietário do Coleção Abelhas, um negócio de impacto socioambiental de atuação no ecossistema da Meliponicultura. Trabalhador da Reenvolver, que atua diretamente no fortalecimento das cadeias produtivas da sociobiodiversidade, sendo sua laboração, no momento, em comunidades indígenas que comercializam mel de abelhas nativas no Espírito Santo.

Mediação

Equipe Técnica “Jardins Amigos da Fauna”

Ana Maria Brischi

Bióloga e Professora com Mestrado em Biologia Vegetal (UNESP – Rio Claro). Tem experiência de 12 anos na produção de mudas e de 12 anos no manejo e conservação de animais silvestres, com ênfase no estudo das Interações Fauna-Flora.

Linda Lacerda da Silva

Bióloga pela UERJ com Mestrado em Ciências Agrárias (UFV) e Doutorado em Biologia Vegetal (UNESP – Rio Claro). Tem experiência de mais de 30 anos em Botânica, Anatomia Vegetal e Jardinagem.

Luciene Lopes Lacerda

Bióloga, pós-graduada em Manejo de Fauna Silvestre pela Pontifícia Universidade Católica – PUC SP. Analista de Meio Ambiente da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente da Prefeitura de São Paulo desde 2009. Atualmente técnica e docente da Escola Municipal de Jardinagem.

Thiago Beloni

Engenheiro Agrônomo pela Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” / Universidade de São Paulo. Trabalhou em diversos setores da Prefeitura de São Paulo. Atualmente compõe o quadro técnico da Escola Municipal de Jardinagem / UMAPAZ.

Coordenação

Luciene Lopes Lacerda

Palestra Meliponicultura

Público: Todos os interessados

Dias: 28 de abril de 2021 – Quarta-Feira

Horário: 19h às 20h30

Local: Redes sociais Facebook da UMAPAZ e YouTube da UMAPAZ.