Inicio Arquitetura & Design Edifícios para ambientes áridos captam água da chuva e promovem resfriamento natural

Arquitetura & Design

Edifícios para ambientes áridos captam água da chuva e promovem resfriamento natural

O projeto possui coberturas em forma de bacias que colhem a água da chuva.

2 de março de 2017 • Atualizado às 12 : 43
Edifícios para ambientes áridos captam água da chuva e promovem resfriamento natural

O telhado em forma de tigela ajuda na coleta da água de chuva evitando a evaporação. | Foto: BMDesign

13.62K
0

O estúdio de arquitetura e paisagismo iraniano BMDesign aborda os climas áridos do seu país de origem como solução arquitetônica para a escassez de água. Eles desenvolveram o projeto de uma comunidade com edificações chamada de Concave Roof (telhado côncavo), um sistema de telhado duplo projetado especialmente para coletar e armazenar água da chuva e promover o resfriamento natural.

Segundo o site ArchDaily, o design foi desenvolvido para ambientes áridos, onde a coleta de água da chuva pode ser complicada devido a taxas de evaporação maiores do que a média e baixa precipitação anual. O sistema de telhado duplo, que inclui um telhado em forma de cúpula sob uma área de captação em forma de tigela, permite que pequenas gotas de chuva que caem no telhado se unam e virem gotas maiores, evitando que evaporem rapidamente.

Imagem: BMDesign

A sobreposição de uma cobertura côncava em cima de uma convexa também promove o resfriamento natural do ar através das sombras e do movimento de ventilação que o formato proporciona, resfriando ambas as coberturas e também o ambiente ao redor.

A área de captação em forma de bacia é inclinada para mover as gotas de chuva em direção a um ponto de coleta central, onde a chuva é canalizada para reservatórios. Os reservatórios são localizados entre as paredes do edifício para ajudar a regular as temperaturas internas.

Imagem: BMDesign

Os arquitetos estimam que, em um edifício maior, como uma escola com 923 metros quadrados de superfície de telhado côncavo, por exemplo, seria possível recolher cerca de 28 metros cúbicos de água da chuva.

Imagem: BMDesign

Os prédios e pátios do conjunto de edifícios também são afundados para promover um resfriamento natural, utilizando a técnica de arquitetura bioclimática, com troca de calor entre as paredes e a terra. Os edifícios seriam organizados em torno de átrios para promover a circulação da comunidade em uma ambiente agradável.

Imagem: BMDesign

Imagem: BMDesign

Imagem: BMDesign

Redação CicloVivo

(13622)

logo
Fechar
Abrir
logo