Inicio Arquitetura & Design Arquitetos suecos divulgam projeto e passo a passo de horta esférica urbana

Arquitetura & Design

Arquitetos suecos divulgam projeto e passo a passo de horta esférica urbana

Para construir basta cortar a madeira e seguir as instruções.

27 de julho de 2017 • Atualizado às 11 : 07

The Growroom é uma grande horta esférica com diversos níveis. | Foto: SPACE10

Arquitetos suecos divulgam projeto e passo a passo de horta esférica urbana
35.62K
0

O SPACE10, um laboratório e centro de exposições no centro de Copenhague, juntamente com os arquitetos Sine Lindholm e Mads-Ulrik Husum, decidiram divulgar e liberar os direitos autorais e de produção de um jardim comestível com design inspirador. O chamado The Growroom é uma grande horta esférica com diversos níveis e foi projetado para produzir alimentos suficiente para uma vizinhança.

A missão do laboratório SPACE10, que tem a gigante IKEA como um de seus colaboradores, é investigar o futuro da vida urbana através da detecção de grandes desafios que irão impactar as pessoas em uma escala global e explorar possíveis soluções. O projeto para construção e o passo a passo para instalação foram liberados por eles na esperança que pessoas ao redor do mundo invistam seu tempo e recursos para criar, pelo menos, uma horta esférica por bairro.

Foto: SPACE10

As ferramentas necessárias para criar o jardim esférico incluem madeira compensada, martelos de borracha, parafusos e muita paciência para seguir as instruções, compostas de 17 etapas. Para iniciar a construção basta o interessado baixar os arquivos necessários para cortar as placas de madeira compensada. As instruções de montagem são gratuitas e online e fornecem todas as informações necessárias etapa à etapa.

De acordo com o laboratório de design, já existem planos para construir The Growrooms em diversas cidades do mundo, como Taiwan, São Francisco, Helsinque e até mesmo no Rio de Janeiro.

“Os alimentos produzidos localmente representam uma alternativa séria ao modelo alimentar global. Reduz as distâncias alimentares, a nossa pressão sobre o meio ambiente e educa os nossos filhos de onde os alimentos realmente provêm… O desafio é que a agricultura tradicional ocupa muito espaço e o espaço é um recurso escasso em nossos ambientes urbanos”, diz o escritório dinamarquês.

Clique aqui para acessar o passo a passo.

(35621)

logo
Fechar
Abrir
logo