- Publicidade -
Início Planeta Meio Ambiente

Foca de espécie rara volta ao mar após resgate e reabilitação

Foca caranguejeira foi resgatada pelo Projeto de Monitoramento de Praias no litoral norte de São Paulo

foca caranguejeira reabilitada
Foto: Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos
- Publicidade -

Uma focacaranguejeira (Lobodon carcinophaga), espécie de pouca ocorrência no litoral brasileiro, foi resgatada no litoral de São Paulo no dia 30 de junho de 2021 e, após cuidados e reabilitação para a vida no mar, retornou para o oceano graças ao trabalho do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS).

Aniaml foi encontrado bastante debilitado, no final de junho. Foto: Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos

foca-caranguejeira é uma das espécies que habitam a região subantártica e Antártica. No Brasil, há registros ocasionais nas regiões Sul e Sudeste e apenas apenas sete animais desta espécie foram registrados pelo PMP-BS nos últimos quatro anos: três em Santa Catarina, dois em São Paulo, uma no Paraná e uma no Rio de Janeiro.

A foca voltou ao oceano no dia 27 de setembro, quase três meses depois do seu resgate. Quando foi encontrado, na Praia das Calhetas, em São Sebastião, litoral norte do estado de São Paulo, o animal estava exausto, muito magro e desidratado. É uma fêmea, agora com 75 kg e aproximadamente 1,60m.

Em três meses, animal estava pronto para voltar ao oceano. Foto: Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos
- Publicidade -

Na hora do resgate, sofria ataque de urubus e apresentava lesões aparentes pelo corpo. Foi levada para o Centro de Reabilitação em Ubatuba, onde passou por diversos exames (clínicos e de imagens), pelo tratamento veterinário, manejo e alimentação específica.

O Instituto Argonauta, instituição executora do PMP-BS nos municípios de São Sebastião até Ubatuba, foi responsável pelo atendimento veterinário e soltura desta foca. O animal recebeu um chip que permitirá sua identificação, caso reapareça em outra região do nosso litoral. 

Foca recebeu um chip para ser acompanhada e identificada, caso seja encontrada novamente. Foto: Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos
- Publicidade -

Ao navegar neste site você concorda com a nossa Política de Privacidade e uso de cookies para melhorar a sua experiência.

Ok