Ícone do site

Quarto de hotel nas árvores é cercado por casas de pássaros

Para uma imersão completa na natureza, hotel na Suécia oferece um quarto suspenso em árvores com centenas de ninhos ao redor

Published 01/07/2022
hotel árvores pássaros

Foto: BIG

Se cercar de natureza é um jeito lindo de passar férias ou mesmo tirar alguns dias para desacelerar. Uma casa na árvore para adultos é uma ideia maravilhosa. Agora, uma casa na árvore, cercada por casas de pássaros é quase um sonho. E foi este “sonho” que o estúdio de arquitetura dinamarquês BIG transformou em realidade em um hotel na Suécia.

Foto: BIG

O Treehotel foi criado em parceria com o ornitólogo sueco Ulf Öhman para que os hóspedes possam estar literalmente no meio da floresta e dos seus habitantes. “Passei alguns dias e noites em alguns dos quartos do antes da pandemia e saí com uma sensação de rejuvenescimento da imersão completa na natureza”, conta Bjarke Ingels, fundador do BIG. Mas o arquiteto não estava satisfeito e queria uma maneira de tornar esta imersão ainda mais encantadora.

Foto: BIG

“Eu não pude deixar de me perguntar se havia uma maneira de levar a imersão um passo adiante – e quase instantaneamente a ideia de convidar não apenas os visitantes humanos, mas também a população residente de pássaros e morcegos para coabitar um enxame esférico de ninhos veio à vida”, revela.

O quarto do hotel fica suspenso entre duas árvores e está contido em um cubo em grande parte envidraçado. Em volta deste cubo, está uma grade de metal esférica que suporta 350 casinhas de pássaros de diferentes tamanhos.

Foto: BIG

Para chegar no quarto, que recebeu o nome de Biosfera, é preciso atravessar uma ponte suspensa. O cômodo tem 34 metros quadrados e tem pé-direito duplo, com grandes janelas para observar os pássaros e a floresta.

Foto: BIG

Uma cama de casal fica em um mezanino acima do banheiro. O interior é quase inteiramente preto e várias luzes em forma de casa na árvore pendem do teto.

Foto: BIG

O hotel estava coberto de casas de pássaros de diferentes tamanhos para incentivar uma grande variedade de pássaros a fazer ninhos. Uma informação importante passada pelo ornitólogo é que os pássaros raramente defecam onde fazem ninhos, o que vai garantir a limpeza das janelas por mais tempo.

Além de criar uma experiência interessante para os hóspedes, o objetivo do projeto é ajudar a aumentar as populações de aves locais.

Foto: BIG

“Inventários mostram que várias populações de aves diferentes estão diminuindo na região”, disse Ulf Öhman. “A silvicultura levou a uma redução do número de buracos naturais nas árvores onde as aves faziam seus ninhos. A instalação destes ninhos artificiais é muito bem vinda!”.

Foto: BIG

O ornitólogo disse ainda que espera que a experiência incentive os hospedes a instalar casas para os pássaros locais quando voltarem para suas casas. No Brasil, é possível construir ninhos artificiais usando cabaças.

Foto: BIG

LEIA MAIS: