A capital baiana anunciou que vai investir nas áreas de meio ambiente, sustentabilidade e resiliência. O Cidade Sustentável, sexto eixo do macroprograma Salvador 360, foi lançado pela prefeitura em cerimônia ocorrida na semana passada.

O programa será coordenado por duas secretarias: Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) e Cidade Sustentável e Inovação (Secis), contando com a participação de demais órgãos municipais. São 49 ações previstas com investimento total superior a R$150 milhões.

Três dessas iniciativas já foram realizadas durante o lançamento do Cidade Sustentável. Uma delas foi a assinatura do decreto que regulamenta a Lei 8.474/2013 e institui o Programa de Certificação Sustentável IPTU Verde -, que concede benefícios fiscais para empreendimentos participantes.

Também foi assinado o decreto que regulamenta os dispositivos acerca da “Política Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável”, incluindo a criação do Cadastro Municipal de Atividades Potencialmente Degradadoras e Utilizadoras de Recursos Naturais. Por fim, foi lançado o Manual Técnico de Arborização Urbana de Salvador, certificado pela Sociedade Brasileira de Arborização Urbana (SBAU) e que é considerado o documento mais moderno sobre arborização urbana já produzido no Brasil. A publicação está disponível nas versões impressa e digital. Saiba mais aqui