Inicio Vida Sustentável Será que vale a pena comprar um carro?

Vida Sustentável

Será que vale a pena comprar um carro?

Financiar carro ou investir o dinheiro? Saiba qual é a melhor opção para você.

4 de julho de 2017 • Atualizado às 16 : 30

Conquistar o carro aos 18 anos já foi o símbolo de felicidade e independência. | Foto: iStock by Getty Images

Será que vale a pena comprar um carro?
1.68K
0

[PATROCINADO]

Abandonar o conforto individual de um carro pode até parecer impensável para muitas pessoas, mas já tem sido uma escolha entre os jovens. E não faltam dados para comprovar este fato. Entre os motivos, pesam os custos de bancar a compra e manutenção de um automóvel.

Conquistar o carro aos 18 anos já foi o símbolo de felicidade e independência entre os norte-americanos, mas uma pesquisa realizada em 2014 mostrou que três em cada quatro jovens gostariam de viver em regiões onde o uso do automóvel não fosse necessário. Também o New York Times publicou um artigo sobre o tema salientando que, entre outras coisas, a quantidade de jovens com carteira de habilitação no país caiu na última década em comparação com as anteriores.

Outra pesquisa feita com três mil pessoas nascidas entre 1981 e 2000 teve o intuito de classificar as marcas preferidas do grupo. Nenhuma marca de carros chegou entre as dez primeiras. A preocupação com as causas ambientais, os altos custos com combustível e a manutenção de um veículo têm sido as razões principais do crescente abandono.

Será que vale a pena comprar um carro do ponto de vista financeiro?

Quando se financia um carro, geralmente, o comprador pensa nos juros da parcela, quanto gastará com seguro, IPVA e combustível. Mas é preciso colocar na ponta do lápis também o valor do estacionamento da região em que mora e/ou trabalha, o desgaste do carro e a depreciação, ou seja, o quanto o carro perderá o valor ao longo dos anos. É preciso avaliar bem cada caso para responder a essa pergunta.

Outra questão importante é o chamado custo de oportunidade, que é calcular o quanto aquele dinheiro gasto com o automóvel poderia render se fosse investido. A ideia então é usar parte da grana que seria usado nas despesas em uma aplicação a longo prazo. Após o período estipulado, que pode ser equivalente a quanto tempo perderia com as parcelas, é possível ter conseguido uma quantia bem mais significativa, como explica o vídeo da Easynvest abaixo.

Com o rendimento da aplicação, caberá a pessoa decidir se usará o dinheiro para pagar um veículo à vista ou investi-lo em outras prioridades.

Mas como começar a investir?

Quem gostou da ideia de investir pode dar os primeiros passos procurando uma corretora como a Easynvest. Digital, a empresa oferece uma série de benefícios, mesmo para quem ainda não é cliente dela, como o simulador de investimentos e um novo aplicativo de celular. Além disso, o canal do Youtube da Easy possui vários vídeos que ensinam como investir, do nível básico até os mais avançados.

(1682)

logo
Fechar
Abrir
logo