Inicio Vida Sustentável Saiba quais são os cuidados necessários com cachorros e gatos no verão

Vida Sustentável

Saiba quais são os cuidados necessários com cachorros e gatos no verão

Os animais de estimação também precisam de atenção especial nesta época do ano.

9 de janeiro de 2017 • Atualizado às 14 : 00
Saiba quais são os cuidados necessários com cachorros e gatos no verão

Não são apenas os seres humanos que precisam de cuidados aos se expor nos dias quentes de verão. | Foto: iStock by Getty Images

11.78K
0

Não são apenas os seres humanos que precisam de cuidados aos se expor nos dias quentes de verão, os animais de estimação também precisam de atenção e são os donos que precisam estar atentos às necessidades deles. Veja algumas dicas abaixo:

– Exposição ao sol

O ideal é que levar o pet para passear antes das 10h ou após as 18h, evite sempre o sol forte, assim como os seres humanos eles também sofrem com casos de insolação e desenvolvem problemas relacionados ao calor.

– Ventilador

Especialistas recomendam aos donos não colocarem ventilador incidindo diretamente no animal. Por mais que o objetivo seja apenas aliviar um pouco o calor, dependendo da raça ele pode ter “tosse canina”, que é uma infecção das vias respiratórias.

– Hidratação

Assim como os seres humanos, cães e gatos precisam ingerir mais líquido nesta época do ano, em especial, água. A recomendação é oferecer água a cada 15 ou 20 minutos durante um passeio.

– Proteção solar

Quem acha que não existe protetor solar para animais se enganou. Há produtos específicos para os bichos e os principais locais que precisam de proteção são as orelhas e o focinho.  O problema é que os protetores próprios para animais não são fáceis de encontrar, por isso pode ser usado um protetor solar comum, sem cheiro e cor.

– Patas queimadas

Para evitar que o animal queime a planta das plantas não leve-o para passear em lugares onde só há asfalto ou calçada nos dias que o sol estiver muito quente. Opte por parques onde há áreas gramadas e, no caso de cachorros, podem ser colocadas botinhas nas patas.

– Gatos

Em geral, os cuidados são menores uma vez que eles não precisam ser levados para passear. A principal indicação é fazê-lo beber mais água deixando mais fontes de água corrente em casa. De acordo com o Hospital Cães e Gatos, a quantidade de água que eles tomam podem dobrar se o líquido estiver em movimento.

Também procure evitar colocar roupas nos pets em dias de calor, por mais fresca que seja. Não se esqueça de tosar os pelos e tome cuidado para o animal não entrar em áreas onde há muita água, como piscinas, lagos ou mar. É preciso tomar cuidado, pois eles podem apresentar infecção no ouvido e até se afogarem.

Redação CicloVivo

(11778)

logo
Fechar
Abrir
logo