Inicio Tecnologia Nasa desenvolve pipa movida a energia solar

Tecnologia

Nasa desenvolve pipa movida a energia solar

O foguete mais poderoso do mundo está programado para ser lançado em 2018.

15 de fevereiro de 2016 • Atualizado às 11 : 27

A invenção será capaz de voar a 28,6 quilômetros por segundo. | Foto: Nasa/Divulgação

Nasa desenvolve pipa movida a energia solar
746
0

Um velho brinquedo caiu nas mãos de “gente grande” e promete impulsionar os estudos sobre astronomia. A inspiração para esta tecnologia revolucionária é a pipa, que, com proporções gigantes, será lançada no espaço daqui a dois anos.

Batizada de Near-Earth Asteroid Scout (ou simplesmente NEA Scout), a pipa espacial desenvolvida pela NASA tem formato de losango, é prateada e o mais importante: utiliza os ventos solares para funcionar. Ao contrário dos satélites hoje lançados, o sistema não precisa de baterias de Ion para ser ativado.

Nasa/Divulgação

Nasa/Divulgação

O material tem um tamanho aproximado de um ônibus escolar e é feito com um plástico resistente revestido com alumínio. Essa composição permite que o NEA possa reagir as partículas de fótons liberadas pelo sol, conseguindo a energia necessária para seu funcionamento. A ideia desse projeto é obter uma plataforma de baixo custo financeiro.

De acordo com a NASA, a invenção será capaz de voar a 28,6 quilômetros por segundo – sendo muito mais veloz do que os modelos atuais.  “O foguete mais poderoso do mundo está programado para ser lançado em 2018”, afirma a agência espacial em comunicado. Para mais detalhes sobre a tecnologia, clique aqui.

Redação CicloVivo

(746)

logo
Fechar
Abrir
logo