Inicio Desenvolvimento Índia inaugura a maior usina solar do mundo

Desenvolvimento

Índia inaugura a maior usina solar do mundo

Até 2020, a Índia quer abastecer 60 milhões de residências a partir da energia fotovoltaica.

1 de dezembro de 2016 • Atualizado às 11 : 13

São 2,5 milhões de módulos solares, que cobrem uma área de dez quilômetros quadrados. | Foto: iStock by Getty Images

Índia inaugura a maior usina solar do mundo
3.85K
0

Os indianos estão levando a sério o projeto de expandir significativamente a produção nacional de energia fotovoltaica. Recentemente a Índia inaugurou a maior usina solar do mundo. A estrutura tem capacidade instalada para 648 MW, superando a Usina Topaz, na Califórnia, com capacidade de 550 MW.

O objetivo da Índia é chegar a 2022 produzindo 20 GW de energia limpa proveniente do sol. Por isso, o país tem grandes projetos para serem colocados em prática já nos próximos anos. Um dos mais ambiciosos é uma planta 4 GW que deve ser construída em sete anos.

A fazenda solar inaugurada agora está localizada na região sul do país, em Kamuthi. São 2,5 milhões de módulos solares, que cobrem uma área de dez quilômetros quadrados. A estimativa é de que a estrutura gere energia suficiente para alimentar 150 mil casas.

Para aumentar a eficiência de todo o sistema, a usina conta com um sistema automatizado e alimentado pelos próprios painéis solares que limpa diariamente as placas, para que operem sempre no auge de sua capacidade.

Até o momento a Índia soma dez gigawatts de capacidade solar instalada. Quando o objetivo total for alcançado, o país conseguirá abastecer 60 milhões de residências a partir da energia fotovoltaica.

Redação CicloVivo

(3849)

logo
Fechar
Abrir
logo