Inicio Mobilidade Brasileiro de 70 anos vai pedalar dos EUA até Salvador

Mobilidade

Brasileiro de 70 anos vai pedalar dos EUA até Salvador

Expedição do professor de capoeira dará origem a um documentário e renda será revertida para 80 crianças carentes.

12 de julho de 2013 • Atualizado às 15 : 06
Brasileiro de 70 anos vai pedalar dos EUA até Salvador

4.41K
0

Conhecido internacionalmente como Mestre Acordeon, o professor de capoeira Ubirajara Almeida vai comemorar seus 70 anos de forma inusitada: usando uma bicicleta, o mestre realizará uma expedição de 400 dias, partindo de São Francisco, EUA, até Salvador, Bahia. A viagem do capoeirista baiano vai dar origem a um documentário, cujos fundos serão revertidos para sua ONG.

O professor deverá pedalar mais de 22 mil quilômetros e fazer uma produção cinematográfica, que aborda tanto as aventuras da viagem, como a influência cultural da capoeira, esporte que ensina há cinquenta anos. Com a expedição, o professor voltará para o Brasil – desde 1978, Almeida dá aulas nos EUA. “Esta viagem é um dos legados mais importantes que posso deixar aos meus alunos”, contou o mestre à reportagem do Huffington Post.

O capoeirista planejou a expedição em etapas, para não correr riscos desnecessários ao longo do trajeto. “Espero pedalar durante 300 dias e descansar nos outros cem, praticando capoeira e entrando em contato com a cultura dos outros países”, declarou o mestre. O documentário filmado durante a viagem vai gerar renda às 80 crianças atendidas pelo Projeto Kirimurê, que atua na periferia de Salvador para garantir aos pequenos o acesso à educação e ao esporte.

A expedição arrecada fundos por meio do Indiegogo, site internacional de financiamento coletivo. Com o nome de Bay 2 Bahia, a expedição sobre dois pedais tem início no primeiro dia de setembro, logo depois do aniversário de 70 anos do Mestre Acordeon. Para ele, o trajeto será importante para repensar sobre a vida e encarar novos desafios. “Será uma viagem de muita reflexão. Espero sair dela uma melhor pessoa e um melhor professor”, finaliza.

Redação CicloVivo

(4412)

logo
Fechar
Abrir
logo