Inicio Arquitetura & Design Antiga base petrolífera vira bairro sustentável em Berlim

Arquitetura & Design

Antiga base petrolífera vira bairro sustentável em Berlim

Serão 32 mil metros quadrados, que acomodarão mais de 1.100 unidades planejadas.

26 de setembro de 2016 • Atualizado às 15 : 44

O complexo terá apartamentos residenciais e espaços comerciais. | Foto: Divulgação

Antiga base petrolífera vira bairro sustentável em Berlim
3.08K
0

Ao invés de servir como base para negócios na área do petróleo, o antigo bairro de Werkbund, em Berlim, está perto de passar por uma repaginação total e virar um complexo residencial e comercial sustentável. A ideia é fruto de um trabalho de longa data entre diversos escritórios de arquitetura, a comunidade local, as empresas e os representantes políticos.

O projeto, apelidado de WerkBundStadt, foi criado em um trabalho conjunto de 32 escritórios de arquitetura e empresas de consultoria especializadas em sustentabilidade. Serão 32 mil metros quadrados em uma região próxima ao rio Spree, que acomodarão mais de 1.100 unidades planejadas.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O complexo terá apartamentos residenciais e espaços comerciais, sendo que 330 unidades serão destinadas ao aluguel controlado. A ideia é criar uma mini-cidade, em que as pessoas consigam morar e trabalhar, sem que seja, necessários grandes deslocamentos diários.

A base para as construções é tradicional. Mas, os tijolos dividem as fachadas com grandes varandas verdes, com os mais diversos tipos de vegetação, que ajudam os prédios a ganharem um toque de cor e natureza.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A escolha pelas varandas verdes é totalmente ligada à sustentabilidade do projeto. O formato garante eficiência energética e alto nível de conforto interno aos usuários. Mesmo sendo feita em alvenaria, a estrutura foi pensada para ser modular e reciclável, o que garante maior flexibilidade e diversas opções e uso.

Segundo o escritório de arquitetura Ingenhoven, responsável por parte do projeto, a ideia é criar uma nova geração de edifícios responsáveis social, ambiental e economicamente. “Em nossa contribuição para o ‘WerkBundStadt’ criamos um edifício sustentável, orientado par ao futuro e verde, sujas unidades se adaptam a diferentes estilos de vida”, explicou Christoph Ingenhoven, em informativo oficial.

Redação CicloVivo

(3076)

logo
Fechar
Abrir
logo