Inicio Vida Sustentável 5 métodos para você cumprir sua lista de tarefas diariamente

Vida Sustentável

5 métodos para você cumprir sua lista de tarefas diariamente

Conheça truques para resolver suas coisas de uma vez por todas.

18 de julho de 2017 • Atualizado às 14 : 07

Foto: iStock by Getty Images

5 métodos para você cumprir sua lista de tarefas diariamente
4.34K
0

Criar listas de tarefas diariamente é um método de organização que muitas pessoas utilizam. Porém, ao fim do dia, se metade do que foi proposto você não conseguiu realizar, o resultado pode ser um grande sentimento de frustração. Foi pensando nisso, que o site Fast Company compartilhou algumas dicas que vai ajudar a fazer listas mais inteligentes e possíveis de serem cumpridas, confira abaixo.

– Limite 6 coisas por dia

Este método é chamado de “Ivy Lee”, criado no século passado, a ideia é limitar a quantidade de tarefas diárias a um número. Isso fará com que você tenha que pensar sobre o que é realmente importante, deixando de lado quaisquer decisões menos urgentes ou que requerem menos atenção naquele dia.

– Divida por seções

Algumas tarefas são fáceis de fazer uma após a outra, enquanto há aquelas que exigem uma mudança completa de foco. Se, por exemplo, você parar para fazer um telefona quando está concentrada em um projeto, o tempo que perderá para retornar ao trabalho anterior será muito maior. Isso tem a ver com o funcionamento do nosso cérebro, por isso tente listar tarefas similares em uma ordem lógica.

– Separe tempo para realizar tarefas

Quem tem mais liberdade em seus horários (é o caso de quem trabalha em casa) pode tentar um método onde as tarefas são divididas por blocos de tempo. Essa ideia é muito recomendada, por exemplo, para estudantes que vão prestar vestibular e precisam estudar muitas coisas diferentes em um dia.

Assim, é preciso planejar para que em intervalos de tempo específicos você cumpra determinada tarefa. A ideia é ter hora para começar e terminar cada uma. Além, é claro de um intervalo para respiro e pequena distração -, que também é importante. Mas é preciso bastante disciplina e ordem.

– Mais uma vez, saiba o que é importante

Correndo o risco de ser repetitivo, mas é importante frisar: saiba quais são as coisas mais urgentes a serem realizadas. Assim, se você é o tipo de pessoa que precisa anotar tudo o que precisa fazer (independentemente da importância ou urgência), ao menos, não ficará frustado pois poderá priorizar e fazer o que é necessário naquele momento.

O treinador de negócios e autor Brian Tracy ensina a classificar cada item com A, B, C, D e E, inserindo as consequências de não realizar cada uma. Nas tarefas “A” entram aquelas imprescindíveis, ou seja, se não forem realizadas haverá “sérias consequências”. As tarefas “B” e “C” são itens que devemos fazer, mas se não fizermos a consequência será menor ou talvez nem haverá consequência alguma. Por fim, as “D” são tarefas que podemos delegar e “E” são tarefas que não são necessárias e, portanto, podem ser eliminadas da lista.

– Inclua itens que você sente vontade de fazer

Nem tudo são flores, é verdade. E há muitas tarefas chatas, mas que precisam ser feitas. Ainda assim, lembre-se de anotar coisas que também te dão prazer. Você ficará mais motivado se dentre as tarefas houver coisas que te empolgam verdadeiramente. “Se você se confrontar a cada dia com lembretes de apenas as partes menos agradáveis do seu trabalho, provavelmente acabará com sua motivação para ir trabalhar”, afirmou o psicólogo Art Markman ao site Fast Company. Ou seja, um café ou almoço com amigos, aprender novas habilidades e cursos, ou qualquer outra coisa que te dê prazer, deve entrar na lista sempre que possível.

Redação CicloVivo

(4344)

logo
Fechar
Abrir
logo